https://www.poetris.com/
Poemas -> Amor : 

O renascer e perecer de todos os sentidos.

 
O renascer e perecer de todos os sentidos.
 

Existe um rio que corre
no firmamento dos meus olhos.

Um sorriso fecundado
pelo brilho flamejante
do sol que trazes no olhar.

Tanto fogo por apagar
no calor do meu peito.
E uma vontade tão imensa,
de adormecer no ventre
das palavras ébrias,
com que me acolhes.

Há no murmúrio de todos os sentidos
que de ti são, um céu de saudades
que vive nas vontades contidas
à espera do aroma cálido do teu respirar.

Há um som perfumado de céu,
no calor das minhas mãos,
maresia e poente no brilho dos meus olhos
e um vendaval de sonhos por inspirar.

E porque existes em mim e eu em ti,
faço acontecer em cada nascer e pôr do sol
o renascer e perecer de todos os sentidos.

(Alice Vaz De Barros)




Alice Vaz De Barros

 
Autor
AliceVazDeBarros
 
Texto
Data
Leituras
115
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
5 pontos
3
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 26/02/2021 22:29  Atualizado: 26/02/2021 22:29
 Re: O renascer e perecer de todos os sentidos.
Alice Vaz, descendente de Camões, "há um som perfumado do céu"
ora, (ainda estou à procura das palavras) temos aqui poesia, uma menina. gostei do poema. mais do renascer do que do perecer. as flores são complicadas mesmo mas... eu não sei comentar confesso. um bem haja e uma boa noite. grato pela leitura
ah... o Camões devia tirar a venda dos olhos e pô-los numa coisa bonita assim que... pardon
bem-vinda

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 28/02/2021 04:24  Atualizado: 28/02/2021 04:24
 Re: O renascer e perecer de todos os sentidos.
Wow...poesia aqui...que seu caminho continue iluminado...fica com Deus