https://www.poetris.com/
Poemas : 

Ilusões

 
Por aqueles nossos caminhos
Recordas-te do carro a estacionar
Enquanto a lua espelhava o rio?
As nossas almas a fumegar
Num Barquinho em correntio.
Já era de noite na praia
E eu ainda via a rede cheia de peixes,
E o pescador no navio.

A corrente foi tão veloz
Que o cais ainda fala de nós
Esquecidos à borda do rio.

Lá longe está o cais,
Dele nem tábuas,
Nem jangadas
nem faróis
só ilusões.

Esqueci
 
Autor
Esqueci
Autor
 
Texto
Data
Leituras
172
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
13 pontos
3
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
amifrejr
Publicado: 03/03/2021 00:18  Atualizado: 03/03/2021 00:18
Super Participativo
Usuário desde: 28/03/2017
Localidade: ALEXANDRIA & RIACHO DA CRUZ-RN
Mensagens: 103
 Re: Ilusões
muito bela a presente poesia branca, que reconstrói um momento de saudades... parabéns!

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 03/03/2021 07:32  Atualizado: 03/03/2021 07:32
 Re: Ilusões
Adorável leitura!
Grata pelo momento.

Enviado por Tópico
Mr.Sergius
Publicado: 03/03/2021 17:08  Atualizado: 03/03/2021 17:10
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2018
Localidade:
Mensagens: 749
 Re: Ilusões
Na verdade não gostei... Chega-se a fim e continuamos com a sensação de querer ler mais!

Essa leitura fácil que nos faz embarcar na história merece aplausos. Parabéns.