https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

[Entre abismos e florestas]

 
[Entre abismos e florestas]

Um velejar insano
Ao longo dos anos, ao longo das eras
Um nobre coração contém
A fúria da fera.

Soprados pelo vento
Como nuvens sem alento
Ter tudo, não significa nada
Ao longo da sinuosa estrada.

Benção ou maldição?
Ignorância em meio a evolução
Corações mecanizados,
Sentimentos distorcidos, quebrados.

Sigamos nosso caminho
Proclamando ecos ao longo do vale
A alma decanta sua herança
Poemas, poesias, sua face no reflexo da elegância.

Liberdade, a travessia sem rumo
Seguindo o percurso da chuva
Por entre abismos e florestas
Retendo ao coração, a hombridade que nos resta.


 
Autor
Keithrichards
 
Texto
Data
Leituras
218
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
8 pontos
4
2
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Legan
Publicado: 18/11/2021 21:09  Atualizado: 18/11/2021 21:09
Colaborador
Usuário desde: 26/01/2010
Localidade: Algures em Trás-os-Montes
Mensagens: 740
 Re: [Entre abismos e florestas]
Para dizer verdade eu adoro este tipo de poemas...

Adorei a leitura


Abraço


Enviado por Tópico
Mr.Sergius
Publicado: 18/11/2021 22:53  Atualizado: 18/11/2021 22:53
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2018
Localidade: Luxor (Egito) / काठमाडौं (Nepal)
Mensagens: 1333
 Re: [Entre abismos e florestas]
Pra começar dizendo o menos, gosto dos poemas com rimas, mas que não se prendem a elas.
Mas o que mais me atrai é o conteúdo: por vezes misterioso que deixa ao leitor o entendimento, outras vezes mais expresso conduzindo as conclusões. Parabéns.
Saudações.