https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Reflexão : 

Malfadado vírus

 
Malfadado vírus que nos impede o toque
E que nos adia a sofreguidão do abraço,
Que nos rouba a magia de um frente a frente
E nos impede de saborear a doçura de um beijo…
Malfadado vírus que nos leva a vida a reboque
E nos põe a alma e o coração num descompasso,
Que nos corta a esperança e poda a ilusão rente
E nos impede de dar asas á candura de um desejo.
Malfadado vírus que nos impede de estar perto
E que nos rouba o calor terno da mão na mão,
Que nos tenta transformar a alma num deserto
E nos põe em espera o bater apaixonado do coração.
Malfado vírus que nos tolhe os movimentos
E nos faz andar apáticos e sem grandes vontades,
Que nos limita com regras e condicionamentos
E que nos priva de tantas e tão belas liberdades.
Malfado vírus que nos causa tamanho temor
E que nos vira a vida e a cabeça do avesso,
Que impede este tamanho querer sentir o amor
Que apenas na fugacidade de um olhar é expresso!



HP/

 
Autor
Hisalena
Autor
 
Texto
Data
Leituras
214
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
3 pontos
1
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Legan
Publicado: 20/01/2022 21:19  Atualizado: 20/01/2022 21:19
Colaborador
Usuário desde: 26/01/2010
Localidade: Algures em Trás-os-Montes
Mensagens: 790
 Re: Malfadado vírus
O vírus cria distância, corta liberdades e as pessoas andam irritadas.

Mas tem-se que cumprir as regras e ter civismo, coisa que falta a muitas pessoas por isso é que ainda andamos nisto...

Eu vivo numa região onde maioritariamente a população é idosa, no Natal nesta região andava entre 2 a 10 casos semanais depois da passagem de ano foi para os 300! Ou seja, estamos em risco extremo de contagio... As pessoas vieram passar o natal com os familiares e criaram vários focos de contagio...

Adorei a leitura

Abraço