https://www.poetris.com/
Poemas -> Amor : 

Sonhos furiosos

 
Espinhos espalhados pelo chão
Espelhos quebrados
E um sonhador acostumado aos sonhos
Que o transportava além de sua imaginação.
Onde está a beleza da flor
Que fala ao coração em dor
E expande além do pensamento
Toda e qualquer forma de sonhar.
Sonhos furiosos de uma alma
Se a razão e o amor tem suas asas
Voam para o horizonte
Se são livres para isso.
Não há forma de se ver livre
Quando fecha os olhos os sonhos aparecem
No azul do infinito eles estão
Olhando para as alturas pode se viver.
Mentem os que disseram
Que um dia perdi os seus olhos meigos
Se através dos sonhos eles continuam
Sendo a razão única do amor.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

 
Autor
Odairjsilva
 
Texto
Data
Leituras
180
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
12 pontos
2
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
MicaelaFerreira
Publicado: 28/01/2022 16:17  Atualizado: 28/01/2022 16:17
Colaborador
Usuário desde: 22/10/2020
Localidade:
Mensagens: 595
 Re: Sonhos furiosos
Sonhos. Que rica inspiração. Saudações poéticas!

Carpe diem