https://www.poetris.com/
Poemas -> Alegria : 

Vai no cais pra ver

 
Tags:  Mato Grosso    Cáceres    Rio Paraguai  
 
Vai no cais pra ver
 
Quem nunca viu o rio amanhecer
Vai no cais pra ver
O deslizar das águas silenciosas
Deixar as almas sensivelmente manhosas.

O rio já não tem mais a beleza de outrora
O ser humano conseguiu destruir
Resta as lembranças de tempos bons, e agora
O que se foi tentam reconstruir.

Hoje a natureza é explorada
Para que se tenha o desenvolvimento
Esquecem que ela só deseja ser cuidada
Para continuar em nosso pensamento.

Quem nunca viu o rio no entardecer
Vai no cais pra ver
O sol que se põe no horizonte distante
Nos faz lembrar: preservar é importante!

Poema: Odair José, Poeta Cacerense

 
Autor
Odairjsilva
 
Texto
Data
Leituras
49
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.