Poemas : 

Evento das Estações - Poema No Ocaso... (RFim)

 
Sopra os ventos gelados.
Tarde serenada só me resta
Apreciar suas nuances...

Tentando ver nos dias outonais...
Sua beleza escondida mesmo
No meio sombrio borboletas bailando.

Pássaros compondo sinfonias...
Sonoras - melodias com toques tristes.
Porém com riqueza de detalhes.

A natureza parecia entender:
Meu momento de viver!
Silente conversando comigo mesmo.

Caminhando meio as folhas secas.
Secas, amareladas, rústicas e pesadas.
Nada encantava mesmo diante:

Das cantorias meio ao sol morno
Fugidio no ocaso também descontente
Nostalgia bem presente!



Para votar neste poema inserir o comentário "VOTO"


 
Autor
Eventos Luso-Poemas
 
Texto
Data
Leituras
246
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
8 pontos
4
2
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Alemtagus
Publicado: 15/10/2023 15:11  Atualizado: 15/10/2023 15:11
Membro de honra
Usuário desde: 24/12/2006
Localidade: Montemor-o-Novo
Mensagens: 3182
 Re: Evento das Estações - Poema No Ocaso... (RFim)
VOTO


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 17/10/2023 01:50  Atualizado: 17/10/2023 01:50
 Re: Evento das Estações - Poema No Ocaso... (RFim)
"VOTO"