Sonetos : 

SONETO À JACQUELINE BRAZIL

 
Tags:  tv    amor platônico    Jacqueline Brazil    figura pública  
 
Até o tempo mudou assim que te viu!
Loira, linda e elegante se aproxima...
Deusa de poder sobre nosso clima!
Hamadríade e Freya de Yggdrasil!

Temperatura: 'tantos graus acima"!
Calor da paixão já passa de mil!
Com a umidade até o 'gozo subiu'!
E nas nuvens, pelo ar o amor se firma!

Garota e meiga musa do bom tempo...
Sorri quando faz sol ou quando chove!
Ah, numa orla, biquíni e mecha ao vento...!

Aí garoa, aqui uma brisa corre!
A tela brilha mais em seu momento!
Termômetro, e audiência também sobe!

*MAIS POESIA EM:
gustavoolivetti.wordpress.com

 
Autor
DANGUSTAVO
 
Texto
Data
Leituras
58
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.