https://www.poetris.com/
 
Textos : 

Loucuras de amor

 
Hoje apetece-me escrever, apetece-me pegar na caneta e deslizar sobre o papel e fazer dele uma obra-prima. Não sei se será tão belo como as curvas do teu corpo, mas tentarei um dia alcançar isso. Como me sinto no céu, quando estou deitado por cima da tua barriga. Quando te beijo o teu corpo. E sinto me leve como uma nuvem. Fazer te corar não esta nas minhas intenções, mas ficas sem duvida mais bela do que nunca. Não sei, se é por ficares desprevenida, como tens resposta para tudo na hora. Beijo no teu pescoço e dizes que te arrepio na espinha, e começas a brincar comigo dizendo que não sei beijar, para te poder beijar mais e mais deixando te assim louca. Será esta vontade louca, não passar de um desejo devaneio que como veio desaparece. Acho que não és um desejo mas sim uma vontade de te amar loucamente, de ser doido, e louco por amor por ti, sem nunca esquecer que a regras e essas regras foram feitas para se poderem infringir de vez quando.

 
Autor
Le Tab
Autor
 
Texto
Data
Leituras
5883
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
6 pontos
6
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Ruben
Publicado: 21/02/2007 12:36  Atualizado: 21/02/2007 12:36
Super Participativo
Usuário desde: 12/02/2007
Localidade: Barreiro
Mensagens: 176
 Re: Loucuras de amor
Está muito bom, Bruno, parabéns!
Abraço!


Enviado por Tópico
PedroLopes
Publicado: 21/02/2007 14:14  Atualizado: 21/02/2007 14:14
Colaborador
Usuário desde: 02/11/2006
Localidade: Montargil-Ponte de Sor
Mensagens: 703
 Re: Loucuras de amor
Gostei mt deste seu texto sobre o AmoR, magnifico poeta. Bem elaborado.

Abraço


Enviado por Tópico
Tália
Publicado: 21/02/2007 17:42  Atualizado: 21/02/2007 17:42
Colaborador
Usuário desde: 18/09/2006
Localidade: Lisboa
Mensagens: 2489
 Re: Loucuras de amor
Bonita loucura... não sei se ficou tão bonito como as curvas da tua musa mas ficou bonito...