https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

Dedos de mestre

 
Tags:  amor..  
 
Encontro o meu coração travado,
apenas o sinto bombear calado,
existe uma dor cá dentro
dor feita há pouco tempo.

Foi um amor que mo desfez,
dois dedos de mestre da tia
enquanto escrevia este soneto
meu amor de mim se desfazia.

Nem encontro explicaçao para o ser
deste amor feito não explicado,
deste amor que tanto quis ter
nascem versos de dor por certo.

vejo-me agora rendida à dor
que envolve meus ohos tristes
naõ basta ter coracão doloroso
minhas lágrimas as assistes.

Pega um pouco dos meus sofrimentos,
tira-lhe um pouco de ar pesado,
cobre-me de abraços ternurentos
chega de sentir este ar enfartado.




Iolanda Neiva
(muitas vezes falo só para mim,
e escrevo para que alguém me ouça)

 
Autor
iolanda neiva
 
Texto
Data
Leituras
583
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
4
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
amandu
Publicado: 08/05/2009 22:29  Atualizado: 08/05/2009 22:33
Colaborador
Usuário desde: 24/03/2008
Localidade: LISBOA
Mensagens: 3651
 Re: Dedos de mestre
VEJO SIGNIFICADO E TALENTO EM SI. É BOM DE SE ASSIM DIZER E O VER POIS O CONSEGUIDO É ENTREVER E ISSO É.
É BONITO O SEU VERSAR.
ABRAÇO.
AMANDU


Enviado por Tópico
SilviaReginaLima
Publicado: 08/05/2009 22:36  Atualizado: 08/05/2009 22:36
Colaborador
Usuário desde: 23/04/2009
Localidade: São Paulo - Brasil
Mensagens: 816
 Re: Dedos de mestre

alo poeta, como vai? Seu poema ficou sentimental e bem sensível ******* UM beijo azul