https://www.poetris.com/
Mario Quintana : O Poeta canta a si mesmo
em 27/05/2013 23:39:04 (1542 leituras)
Mario Quintana

O poeta canta a si mesmo
porque nele é que os olhos das amadas
têm esse brilho a um tempo inocente e perverso...

O poeta canta a si mesmo
porque num seu único verso
pende - lúcida, amarga -
uma gota fugida a esse mar incessante do tempo...

Porque o seu coração é uma porta batendo
a todos os ventos do universo.

Porque além de si mesmo ele não sabe nada
ou que Deus por nascer está tentando agora ansiosamente respirar
neste seu pobre ritmo disperso!

O poeta canta a si mesmo
porque de si mesmo é diverso.

(Esconderijos do Tempo)


Imprimir este poema Enviar este poema a um amigo Salvar este poema como PDF
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 28/05/2013 00:02  Atualizado: 28/05/2013 00:02
 Re: O Poeta canta a si mesmo
olá, Helen

Obrigada por partilhar Mario Quintana, um dos meus favoritos.

Fique na paz

Angela

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 28/05/2013 01:08  Atualizado: 28/05/2013 01:08
 Re: O Poeta canta a si mesmo
"O poeta canta a si mesmo
porque de si mesmo é diverso
."

assim cantava Quintana, mas não diferente somos capaz de cantar também com nosso coração poeta...

ando abusado demais ultimamente...rs mas de verdade é que sou fã desse Mario Quintana, ah sou!

valeu, Helen. bj e meu abraço Carioca.

Links patrocinados

Visite também...