Poemas, frases e mensagens de ROSA DO DESERTO

Seleção dos poemas, frases e mensagens mais populares de ROSA DO DESERTO

Intercâmbio cultural, amizades e divulgação dos poemas...

LÁGRIMAS PARA UM ANJO

 
Somente quando o coração sente é que realmente sabemos o quanto amamos.
Eu posso subir a montanha mais alta, viajar pelo universo, desencarnar deste mundo. Mesmo assim,
se tem alguém que faz parte do meu todo é você
meu amor.
Juntando as centelhas dos raios de sol espalhadas em múltiplas fagulhas de almas,consegui encontrá-lo, sentindo a essência pulsar e o amor nascer e florescer.
Necessito degustar os frutos colhidos a margem do rio da vida.
Nada tem sentido após o momento triunfante do nosso casamento, aquele "sim", será eterno.
A distância, as lacunas que não foram preenchidas, as dúvidas sentidas, serão dedilhadas por anjos que dissiparão as brumas.
Será que conseguiremos transpor os desafios lançados pelos demônios?
Meu amor, se eu pudesse estar contigo agora,
revelar toda a minha alma, nunca mais te deixar partir...
Se o Verbo está presente nestas letras depositadas com lágrimas de saudades quero que você perceba o imenso amor por ti.
Quero poder estar em teus braços, nunca mais deixá-lo, meu homem de ontem, meu companheiro de hoje e minha fé do amanhã.
Volta para os meus braços verdadeiramente despido
de preconceitos, somente trazendo nos lábios o gosto do desejo e na face o rubor do fogo selvagem que irá perpetuar-se em nosso leito.
 
LÁGRIMAS PARA UM ANJO

LEMBRANÇA DE UM OLHAR...

 
LEMBRANÇA DE UM OLHAR...
 
 
Hoje enxugo as lágrimas da chuva que chora copiosa.
Na cumeeira a coruja rubra e, no céu o cavaleiro gentil.
Que se abram as portas do céu e deixem-me entrar...
Não há castigo ou chibata, não há grito que atordoa pardais.
Por trás das verdes rochas, olhos semi-cerrados e um sorriso...
Não há tempo que faça-me esquecer...
Das mãos forjadas no aço, das vestes negras ultrapassando espaços...
Ah! Permita-me por uma noite...
Quem me dera ser a tua senhora ou mesmo uma rosa em tuas mãos...
Hoje sou folha que desprende-se ao vento - carregada de emoções...
Dor sem explicação, apenas vácuo, espaço e a saudade.
Outrora, passado, lembranças e agora? Somente o teu doce olhar...
O herói estampado na face - palavras ponderadas, medidas e perdidas...
Será que está em algum Norte? O amor é morte?
Se assim o for, eu terei a sorte?
Quantos caminhos terei que trilhar?
Nada até agora! Suspiros e suspiros...
Eu quero sim o arrebatamento dos teus beijos.
Finalmente ferver o sangue em minhas veias...
Não é ladrão. Mesmo assim roubou o meu coração.
O véu da noite desfaz-se, esvaindo em solo fértil tão grande emoção.
A quem mais direi tudo isto? Quero-te e repito, quero-te - meu amor.
 
LEMBRANÇA DE UM OLHAR...

ANJO DO SOL

 
Sei que não tens visíveis asas
para apanhar-me e levar-me
ao paraíso, mas sei que tens
leveza da alma
que conduze-me ao céu.

No silêncio da manhã apanho
o tinteiro, papel envelhecido
do tempo timbrado com
símbolo real em vermelho.

Escrevo palavras ao léu entre
ruínas de um castelo amarelo
as velas pesadas e rústicas,
à esquerda paredes de pedra

Nova atmosfera girando em
sincronicidade do momento
sou a Cinderela que desperta
na primavera de sonhos
tentando alcançar o teu verão.

A gralha na janela anunciando
a fada que é bela trazendo o
amor nos ventos da espera,
apanho teu coração trazido
no arpão do anjo cupido
velho conhecido desta
nossa mágica floresta...
 
ANJO DO SOL

ALMA-GÊMEA

 
Em busca de minha alma gêmea
percorri a via láctea e renasci
não consegui te seguir a beira mar

Na verdade, muros de castelo
sempre nos separavam, e quando
apaixonados, morríamos atraiçoados.

Somente o sonho traz você, encontro!
Nada além do que sinto é mais puro e viril
não, palavra gélida de esperança finda;

Quero a luz da Aurora minha, mais brilhante
nos olhos que refletem o mar dos amantes
e hoje nas palavras tristes, ainda existe, o amor.
 
ALMA-GÊMEA

CRER NOS SONHOS

 
Sempre acreditarei em meus sonhos, os de paz de amor e esperança
quando deito-me sinto-me liberta, sabe porquê?
Eu consigo me transportar até os teus braços e chegar até o nosso mundo e lá, nós não temos preocupações, dúvidas, responsabilidades, obrigações a cumprir, vivemos momentos de pleno amor e por isso, sonhar pra mim é tão importante e a cada instante eu sonho contigo, visualizo
teu rosto em cada lugar que estou e nas vinte e quatro horas dos meus dias somente tú me acompanhas...
Um simples respirar e tua imagem impulciona-me a floresta de um momento eterno.
Entre as epitáfias, encontro-me em uma atmosfera de cumplicidade.
Dizer somente eu te amo, tornou-se banal, é além do que a humanidade sabe sobre o amor...
Talvez, por sabermos bem quantas ondas batem nos rochedos da nossa existência, isso purifica-nos em sentimentos tornando-os fluídicos como o mar desta pura emoção, tornamo-nos parte de um
elo misterioso e antigo, algo além do imaginável, pois fazemos amor em sonhos...
 
CRER NOS SONHOS

AMOR ANGELICAL

 
Vivemos assim, em mundos paralelos, onde o amor é uma lamparina cheia de azeite sagrado.
Onde o mal não encontra morada,em nossa tenda o deserto se faz oásis de um amor celestial.
Quando deito em meu leito, fico a comtemplar as estrelas, se as janelas do inconsciênte estiverem
fechadas, observo teu sorriso nas fendas do tempo...
Não consiguirei nem mesmo dizer-te o tradicional eu te amo, pois sabemos que o tempo
deixou de ser uma palavra forte que ultrapassava a morte.
Por isso amar-te um amor humano, deixou de ser especial.
Por você vou além das fronteiras, além da matrix.
Desperto de um sono profundo quando estou em teus braços.
Milênios foram contados?
Sabemos que o tempo é mero conceito humano, ele somente deixa marcas nos rostos de quem não
possui o entendimento e a sabedoria.
Não quero que entenda, mas sim compreenda a distância entre nós...
Somos amantes universais, estelares, amorfos, acoplados a um sentimento além do imaginável, por isso continuemos em sorrisos plenos em uma cumplicidade de amor angelical...
 
AMOR ANGELICAL

EU TE AMO.

 
Não estou só entre os vinhedos, observo os pardais, ouço a canção no vento, e nada mais.
Os pingos d'água caem, descongelando meu coração, derretendo meus sentidos, emoção...
Mãos suadas, lábios rubros do frio, pele branca gelada.
Um colorido todo especial ilumina meus sonhos, compasso de ternura, que perdura o romantismo.
Teu sorriso vindo no navio, vejo ao longe o trem maria fumaça, apanho uma flor e coloco-a nos cabelos, ajeito o vestido cereja,
vejo o ritmo compassado do teu corcel, vibrando saio em disparada.
Não há escuridão que me impeça de te ver, corro com pés descalços em terra vermelha molhada.
O que importa que sou amada, que o amor rompeu o portão da madrugada.
Em um abraço eternal rodopiamos ao vento.
Nem o tempo poderá nos separar, selamos o momento com um olhar, com um beijo, perpetuaremos o nosso amor...
 
EU TE AMO.

DESAFIO 2008

 
Pensando, criei a esfera da poesia fui esculpindo cilindros vítreos, pegando a sílica ainda quente, dando forma de gente, estou imaginando a argila umedecida, girando em esferas prateadas no véu do universo, cabalisticamente percebo o olhar de D'us desenhando contornos da fé, sobre átomos da arrogância, esta será que a mensagem subliminar que atingirá os teus sonhos?
Penetre profundamente no jogo de xadrez e seja a mente aberta na
dimensão oculta e explore o sabor insípido do vento, sinta que a numerologia atira as cartas de tarô ao tempo, dissolva o gelo nas ervas da emoção, mantendo o teu coração no projeto da matrix, sinta pintada a tua alma com cores magenta, ela está sendo perfurada com as adagas de prata, onde o sal machuca, prendendo-o no círculo divino.
Seja o espelho vítreo, a corrente de água vertente...
Jamais fique estagnado, não torne-se a serpente negra que acasala- com escorpiões da (inveja e da luxúria); Abrace o mendigo, leve a esperança de um sorriso...
Assim o número dezesseis te favorecerá e serás um dos trinta e seis...

Quem são os trinta e seis?

Decifre-me ou te devoro!
 
DESAFIO 2008

"FORJADA DE TUA ESPADA"

 
Águas do meu olhar vertem feito cachoeira, menina, tímida, ferida com uma flecha dourada, por um cupido entusiasta, estou debruçada nas rochas do esquecimento, com cabelos esvoaçantes no tempo, clamando ao rei sol para não desapontar entre as nuvens dos sentimentos, vastos caminhos, íngremes e escarpados, tesouros escondidos, vertentes fluídicas de um amor impossível...
Possível seria, se ele encontra-se a sua dama, vestida com escamas coloridas, conhas extraídas do seu coração, um coração honrado, um guerreiro e um segredo guardado a milênios, queria tanto poder ao menos encontrá-lo nos castelos em ruínas das memórias tão tardias, estes sonhos embaraçados, dão nó na garganta, volto no passado, chorando, só, buscando o perpétuo amor que sou fiel, jamais deixei de amá-lo, poderia esquecer quem sou, jamais iria encobrir-te de terra...
Carrego-te em meu peito, em minh'alma, meu ser foi forjado da tua espada, meu nobre anjo-bárbaro!
Volta e carrega-me nos braços, apenas uma vez mais...
Vem dizer-me que não esqueceu-me jamais.
 
"FORJADA DE TUA ESPADA"

AMOR ETERNAL

 
Espero por você todos os dias da minha vida
como se o luar jamais encobrisse o sol
não quero ter a benção de tê-lo
somente desejo saber que respiras com
o vigor de cada amanhecer.
Sei que o poeta não retorna dos mares vindouros
e mantenho as lágrimas presas ao sorriso esperançoso.
Desejo conscientemente uma noite em teus braços
e que a chuva caia em forma de flocos
cobrindo a relva macia, entregando-lhe o meu presente,
abra o laço de fita vermelho, sobre a caixa imaginária,
apanhe cuidadosamente o meu coração embrulhado em papel
de seda, ultrapasse o espelho que nos prende e através dos olhos
da mente voe buscando os beijos eternamente teus...
 
AMOR ETERNAL

DECLARO TODO O MEU AMOR

 
Só estarei aqui hoje, não pensarei no amanhã e nem no ontem,
estou aqui no hoje, no dia sem distância, sem saudades, pois estou em ti.
Venha e liberte teus sentimentos, não aprisione o nosso tão grande amor.
Eu estou aqui somente hoje, sem o amanhã, sem o ontem, permanecerei aqui neste dia nublado, frio, continuarei a sorrir, mesmo com as lágrimas que insistem em trair na saudade, ficarei aqui neste hoje, talvez sentada à beira de um rio sempre a te esperar, somente hoje, estarei fixada nas raízes de tua memória, estou agora, neste momento entre a eternidade e o sonho de tê-lo ao menos por hoje sem vislumbrar nem o ontem e nem o amanhã.
Cavalgarei nas nuvens de felicidade, mesmo que a tristeza traga no dia a tempestade desta infinita saudades, onde andará você?
Paro, escuto os carros a passar, a chuva no asfalto confunde-se entre soluços e um choro abafado, será que o amor existe?
Eu creio no arco-íris, acredito em tua palavra, em teu total amor.
Vem neste hoje, caminhe de mãos dadas nesta luz que não irá apagar revelando estrelas, não quero que chegue mais um amanhã, eu te quero hoje.
Eu estou sorrindo, com sabor de sal em meus lábios adocicados de esperança, receba o sorriso com um beijo delicado nestes lábios de amor, do meu eterno e verdadeiro, inconfundível amor, e a noite quando ela chegar, estarei aquecida na fogueira em meio aos teus braços, na clareira dos nossos sonhos.
 
DECLARO TODO O MEU AMOR

SONHOS

 
Caminhando nas nuvens róseas
Buscando seu canto no vento
Mergulhando nos mares do pensamento
Vou deixando-me levar nas asas da imaginação
Coração que não cabe em meu peito
Sentimentos transbordantes denunciando primaveras
Abelhas sorvendo o néctar das flores
Eu buscando teus lábios de sol

Tua imagem refletida no meu lago plácido
Teu sorriso domina meu ser
Um ímã de cumplicidade vem na atmosfera
Trazendo centauros galopantes nos cometas dos sonhos
Desenhando estradas com poeiras galácticas anunciando surpresas
Entramos nas dunas vertentes das águas fluentes de corpos ferventes
Em uma erupção vulcânica das ilhas a 1.000 km do Equador
Em Galápagos geramos os frutos doces do amor...
 
SONHOS

AMOR POR TI

 
Meu colibri,
canta assim na mata verde cheia de luz
voa até as flores sorvendo o néctar até o fim,
vem colibri, canta e encanta assim,
faz das pétalas dobras de canção,
voa até meu coração,
trazendo tua lembrança em meus dias de solidão
vem voando na paz entre nuvens de algoodão
matando a saudades, que em cachoreiras nascem
reflorestando o amor que sinto por ti...
 
AMOR POR TI

ALTO ASTRAL

 
Sorria na alegria de teus dias
e na tristeza também pois
o sorriso é a benção para
os males, meu bem...

Sorria na padaria de bom dia,
de um abraço na tia,
no pai, na mãe e no neném

Sorria no parque,
na loja, no carro,
na avenida

Sorria na tempestade
dos teus dias,
sorria,
com lágrimas de emoção

Sorria em qualquer estação.

Sorria de amor, de paixão
Seja o sol, mantenha o brilho
no olhar, a energia pura
a passar e transmita o dom da cura.
 
ALTO ASTRAL

PIRATA DO AMOR

 
Coração estrelado faz-me feliz
aonde pássaros cantam e as
borboletas estão a colorir
venha canção traz o velho
poema e o rum vamos festejar
um ano velho em um início novo
por um amor pirata me atiro
na prancha e peço ao velho
Gancho o beijo de perdão
pois não existe amor sem fantasias
nem mar e marujo sem embarcação...

YOHOOO
E UMA VELHA GARRAFA DE RUM

TODOS À BORDO DE UM NOVO ANO.

FELIZ ANO NOVO.
FELIZ 2.008.
 
PIRATA DO AMOR

TUA MORDIDA

 
Foste o momento mágico da minha certeza
ou talvez meu devaneio...Raiva e lamento,
contigo à margem do paraíso fiquei,
contigo cheguei ao sentimento infernal!

Renascida, e o meu beijo não te excita:
rasga-me a pele, enches-me a alma,
e do teu sangue morto me alimenta,
e morde-me na nuca oferecida.

Mordida extrema, sou prêmio de tua consolação,
exorcismo e extrema-unção, vampiro louco
por que, lágrimas, eu não seguirei contigo?

Sinto-me o vazio, e o anjo da morte,
beijo maldito! Em chamas repugnante,
na perpétua certeza de uma saudade...
 
TUA MORDIDA

JARDINEIRO DO AMOR

 
Borboletas passeiam no jardim de um corpo,
e pousam nas orquídeas que plantastes
com tuas mãos, elas vão polinizando,
colorindo, trepidando a emoção.
Regaste este jardim com lágrimas azuis
depreendidas de cristais quartzo rosa.
Preenche de enfeitas as passarelas,
entre arbustos perolados e verdejantes.
Leva a crer, tudo prospera,
a primavera será eterna!
Aurora boreal no branco do pólo norte,
à esquerda deita-se no peito mulher e
descansa mansamente, entregue as carícias.
Vai suavemente beijando lábios quentes,
adocicados do mais puro mel,
retiras o néctar sorvendo delicadamente
o favo da rainha e, farta-lhe de fantasias...
 
JARDINEIRO DO AMOR

AMARGO VENENO

 
Do teu absinto provei
sem nada temer, entreguei
tudo, com a fé latente,
tornando-me tua vida,
na tua certeza fiz planos,
juntei os cacos e pedaços de
pano.
Sei, exagerei!
Cheguei no porão do amor,
e de lá não sei, só me resta, dor.
 
AMARGO VENENO

"FLOR LANÇADA AO MAR"

 
Chegando até o encanto de tua alma, ultrapasso as tormentas e nunca lamento a tua perda,
pois sei que estais no mar, águas de rio, minha vida que chora a te esperar, assim elejo Netuno
a te proteger, rei do mar, vais em águas abertas, estejas onde for, contigo seguirei, tu és meu grande amor.
Meu futuro poderá estar arrebatado nas ondas do mar, onde ser mortal transcende tsunami, flutuo sendo levada aos teus braços.
Vem a certeza, que estais na leveza das ondas das águas do mar, vou mergulhando fundo na noite enluarada, para contigo estar, não importo-me se navegas em mares hostis, levarei a ti suspiros,
soprarei as velas da embarcação e transformarei em canção, não substituirei a leveza da brisa que encontrará você, quero te ver para poder te dizer, que a saudade é sal, a distância fel, nada me impedirá de continuar a te amar, sou tua sereia, Netuno entregará em tuas mãos a certeza do meu amor, meu lindo deus tritão, sou tua flor lançada ao mar...
 
"FLOR LANÇADA AO MAR"

SILÊNCIO

 
“Quando as palavras deixam de ser necessárias, os sentimentos tornam-se vestes de amor “...
 
SILÊNCIO

Viagem nos sonhos e sintam na alma o que é poesia!