Poemas : 

Re(vira)volta

 

Hoje, desviam todos o olhar
Buscando-os pela sua compaixão.
Hoje, todos olham para os lados,
Para cima
Olhar que sigo
Na busca do que achaste,
O que ainda procuro.
Olhei para onde olhas
Vi tudo, céu mudo
Nem nuvens, nem pássaros;
Sem estrelas ou qualquer outro astro,
Nem Sol, nem Lua.

Percorri dolorosamente a tua Via
No fim queria derrubar
Todos os retratos, todas as pinturas,
Representações e alusões...
Quero destruir tudo...

Roubar o terço das tuas mãos,
Quebrar-te em mil pedaços,
Arrancar-te da cruz
Arrasar o teu altar,
Depois esgotado, ouso:
Perdoa-me Jesus.

29/10/2009
 
Autor
Hugo Cabelo
 
Texto
Data
Leituras
1798
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.