https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Para Visitantes : 

Castelos Imaginários

 
Demônios dançam na minha cabeça
Entre as minhas esquizofrenias
Mastigo o silêncio como quem tem fome
E afogo a mente em maresias.

Meus olhos se pintam de outono
Sobre um casulo espinhado
Pareço andar sempre com sono
Pelas ruínas de um mundo encantado.

Vago dentre os espinhos da roseira
Para esquecer uma grande dor
Enquanto o vento me espana como poeira
Nessa vida bordada em rancor.

Bebo o ódio em dias de tempestade
E não firo ninguém, além de mim
Perco o olhar na mesma paisagem
E me enjaulo num triste confim.

As folhas secas cobrem o caminho
A tristeza cresce entre raízes pálidas
Meu mundo se mostra um redemoinho
Entre o gelo das lágrimas cálidas.

O choque térmico se infiltra na alma
E deixa minha coragem atônica
Pela névoa das suas frases de mármore
E a raiva que ferve a água vulcânica.

Procuro os vaga-lumes dessa estrada
Infestada de morcegos sanguinários
Que brincam com minha alma atormentada
E destroem meus castelos imaginários.

 
Autor
Punkita
Autor
 
Texto
Data
Leituras
2400
Favoritos
5
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
58 pontos
18
0
5
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 12/11/2009 18:24  Atualizado: 12/11/2009 18:24
 Re: Castelos Imaginários
Pura e simplesmente fantástico!Favorito.


Enviado por Tópico
Caopoeta
Publicado: 12/11/2009 18:28  Atualizado: 12/11/2009 18:28
Colaborador
Usuário desde: 12/07/2007
Localidade:
Mensagens: 1988
 Re: Castelos Imaginários
..boas punkita,
é sempre com prazer que te leio... gosto da tua vertente intervencionista...a boca que nao cala depois de mutiladas as pernas e os braços e derubados os castelos imaginários.
estarei sempre por cá.

beijo.


Enviado por Tópico
Norberto Lopes
Publicado: 12/11/2009 18:55  Atualizado: 12/11/2009 22:06
Colaborador
Usuário desde: 15/03/2008
Localidade: Lisboa
Mensagens: 896
 Re: Castelos Imaginários
Estive para transcrever alguns versos
d'onde senti arrepios; mas não o fiz, porque poderia parecer retirar valor a todos os outros.
UM ENCANTO!
Parabéns,Punkita


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 13/11/2009 10:46  Atualizado: 13/11/2009 10:46
 Re: Castelos Imaginários
Confesso que me surpreendi com o título...
Realmente um encanto de poema, uma viagem fantástica...
Perfeito, meu favorito.
Sabe, eu tenho visto alguns vaga-lumes...

Parabéns!

Um beijo Punkita...


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 13/11/2009 10:51  Atualizado: 13/11/2009 10:53
 Re: Castelos Imaginários
Teus textos, um após outro, se mostram melhores e cada um deles mais instigante que o anterior.

Gosto demais de ler suas "coisas"

Abraços para voce.


Enviado por Tópico
Alexis
Publicado: 13/11/2009 17:34  Atualizado: 13/11/2009 17:34
Colaborador
Usuário desde: 29/10/2008
Localidade: guimarães
Mensagens: 7254
 Re: Castelos Imaginários para punkita
muito bem!é um prazer ler-te.

beijo,
alex


Enviado por Tópico
Sterea
Publicado: 14/11/2009 12:21  Atualizado: 14/11/2009 12:21
Colaborador
Usuário desde: 20/05/2008
Localidade: Porto
Mensagens: 3404
 Re: Castelos Imaginários
Sente-se intensidade, vontade de remover montanhas, desobstruir vulcões, revolver oceanos...
muito bom, Punkita!


Enviado por Tópico
RoqueSilveira
Publicado: 14/11/2009 14:53  Atualizado: 14/11/2009 14:53
Colaborador
Usuário desde: 31/03/2008
Localidade: Braga
Mensagens: 8368
 Re: Castelos Imaginários
Gostei. E sei que os vagalumes andam por í, quiçá dentro de ti. Beijo


Enviado por Tópico
jomasipe
Publicado: 16/11/2009 21:44  Atualizado: 16/11/2009 21:44
Colaborador
Usuário desde: 28/09/2009
Localidade:
Mensagens: 1168
 Re: Castelos Imaginários p/ Punkita
gostei muito do teu poema e das palavras que falas, da imaginação que consegues produzir e dos momentos imaginários que ofereces.
beijos,
JS