https://www.poetris.com/
 
 

se eu escrevesse sem parar palavras desconexas, tu irias ler do caos, desconstruir o meu caos!
 
Autor
Freya
Autor
 
Texto
Data
Leituras
941
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
5 pontos
5
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 03/12/2009 17:44  Atualizado: 03/12/2009 17:44
 Re: .1
...e construir a tua ordem!

abraço

Enviado por Tópico
TRIGO
Publicado: 03/12/2009 19:11  Atualizado: 03/12/2009 19:11
Colaborador
Usuário desde: 26/01/2009
Localidade: Cabeça-Boa - Torre de Moncorvo
Mensagens: 2309
 Re: .1
...
FREYA

Brilhante! Acompanho-te
Nesse caos ...



BEIJOS

Enviado por Tópico
joseluislopes
Publicado: 04/12/2009 15:10  Atualizado: 04/12/2009 15:10
Colaborador
Usuário desde: 22/03/2009
Localidade:
Mensagens: 3351
 Re: .1
E quem sabe ficar num caos.

beijo
JLL

Enviado por Tópico
Margarete
Publicado: 04/12/2009 20:46  Atualizado: 04/12/2009 20:46
Colaborador
Usuário desde: 10/02/2007
Localidade: braga.
Mensagens: 1199
 Re: .1 à freya
o caos traz-me o cárcere que me traz a única sensação de liberdade que posso ter. gosto do caos por isso, porque me liberta. acho que gostaria do teu caos também.


vamos conversar?

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 09/12/2009 03:29  Atualizado: 09/12/2009 03:29
 Re: .1
poetisa Freya

a minha ordem é um caos.
gostei desta desordem organizada

abraço