https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Estrelas no mar

 
Tags:  desejo    amar    mar    estrelas    espelho    afrodite    traidora  
 
De que serve ter o mar
E possuir no seu espelho as estrelas,
De que serve poder olhar
Se não podemos sequer vê-las?

De que serve a ambição
Que esconde em si o sonho
De que serve o perdão
Na amizade que encontra o chão
Se o futuro não é risonho?

De onde vem o poder da chuva
Que lava as lágrimas do amor?
Porque de tão doce que está a uva
Já perdeu o seu esplendor.

Porque se apaixonam amigos
Não dois, mas um deles só,
P’ra se tornarem inimigos
E descobrirem a amargura
De amar alguém que perdura
No ponto que outro ultrapassou?

Porque disfarçam aqueles que amam
Lutando pelo impossível
Sabendo que as Ninfas tramam
E as teias do tempo reclamam
O seu amor incompreensível?

Porque ama o amigo ingénuo
Com todo o seu coração
Destruindo o que é efémero
Destruindo tudo em vão?

É estúpido amar demais
Amar-se quem já se conhece
É estúpido lembrar os tais,
Amigos que nunca se esquece.
É estúpido nadar nas ondas do mar
E desejar chegar às estrelas
Quando de lá nos está a observar
A traidora Afrodite, envolta nelas.

 
Autor
MarioC
Autor
 
Texto
Data
Leituras
680
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.