https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

noites

 

lagrimas tristes numa noite silenciosa,
chora minh"alma tua ausencia pressentida.
a inercia que irrompe desencanta,
o tempo ,no corpo da vida ociosa,


neste breu que entro fantasmas vislumbro.
pois desce ao châo ,o escarlate choro,
a lua nâo desponta mais seu tesouro,
nos sonhos pedidos, em medo penumbro.



antevisto föra,o coraçâo não sossega,
confuso,profana a quem se confessa,
na calma indolente que ora visita,
esperando que a lua a dor não reflita.



o mundo não gira,pois não mais existe,
porque a magia desfez o proprio futuro,
sonhos sem simbolos,sem vida,tão triste.
a felicidade de outrora hoje censuro.
sonhos sem simblos,sem vida tão triste


POUCO SEI DA ARTE DA ESCRITA POREM DO NADA QUE LEIO DO MUITO QUE VEJO E DAQUILO QUE NAO ENTENDO SOMENTE APRECIO A UNICA CERTEZA AMO POESIA

 
Autor
daywyston
Autor
 
Texto
Data
Leituras
324
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.