https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Unicamente tu!

 
Xaninha

Nem me lembro
De quando te conheci
Mas sei agora e para sempre
Que és importante e estás aqui (L).

Quando penso naqueles momentos
Tenho vontade de chorar
Custa recordar
Por que no fim não te posso abraçar.

Jogos a voar,
Bolas a saltar
Isso são momentos
Que não dá para apagar.

És importante!
Comigo podes contar
Nem que seja apenas e só
Para desabafar.

És a melhor amiga
Que alguém podia ter
Xaninha,
És única, não te quero perder.

A despedida,
Nem me quero lembrar
Um dia estavas aqui
No outro já estavas a viajar.

Que saudades
Que vontade de recuar
Tudo o que vivi
Quero-te aqui!

Para a rapariga mais importante do mundo
 
Autor
gustavobastoz
 
Texto
Data
Leituras
602
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
carolcarolina
Publicado: 26/04/2010 02:03  Atualizado: 26/04/2010 02:04
Colaborador
Usuário desde: 24/01/2010
Localidade: RS/Brasil
Mensagens: 9300
 Re: Unicamente tu!
Olá Poeta Gustavo!
Estava com saudades!
Versos doces e não tão tristes, gostei de te ler.
Sorte da rapariga que inspirou-te a escrever.
Lindo o teu poema.
Bjinhos
♫Carol