https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Reflexão : 

CANTO

 
CANTO
 

Canto o Sol, canto a lua
Canto as estrelas, o mar
E choro as pedras da rua
Pois todos as vão pisar

Canto a paz e a alegria
E até canto à saudade
Choro com a nostalgia
Com a dor e a maldade

Vou cantar á amizade
Á doçura e ao Prazer
Mas choro a caridade
Quem não tem para comer

Prás crianças que na terra
Têm tudo vou cantar
Mas choro ás que na guerra
Morrem, ou ficam sem lar

Á liberdade e ao amor
Sem ter voz eu vou cantar
Ás mágoas da minha dor
Sem lágrimas, vou chorar

E a ti que eu quero tanto
Não rio, não vou chorar
Abraço-te, doce encanto
Para a seguir, te beijar.

ROSA-BRANCA

 
Autor
rosa-branca
 
Texto
Data
Leituras
701
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
6 pontos
6
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Avozita
Publicado: 24/05/2010 21:48  Atualizado: 24/05/2010 21:48
Colaborador
Usuário desde: 08/07/2009
Localidade: Casal de Cambra - Lisboa
Mensagens: 4533
 Re: CANTO
Teu canto aprimorado
De tudo o que a vida tem
Foi lido com meu agrado
Concordo contigo tambem.

Gostei imenso do que li.
Bem vinda ao Luso.
Beijo
Antonieta


Enviado por Tópico
rosafogo
Publicado: 24/05/2010 22:07  Atualizado: 24/05/2010 22:07
Colaborador
Usuário desde: 28/07/2009
Localidade:
Mensagens: 9599
 Re: CANTO
Cantar, cantas a primor
Deus deu-te voz para tal
Canta à liberdade, ao Amor
E chora a guerra que é fatal.

bem rimadas tuas quadras, eu também adoro fazê-las.

beijo
rosa


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 26/05/2010 12:47  Atualizado: 26/05/2010 12:47
 Re: CANTO
Muito bem rimado este poema.
As semelhança com a escrita da Rosa-fogo são impressionantes.

Beijo azul