https://www.poetris.com/
 
Duetos : 

Caminhos do Destino

 
Impreciso é o caminho do destino...
Menino coração, moleque de calça curta,
Brincando de desatino nos pega pela mão.
E vamos brincar de pipa
E soltamos nossos sentimentos.
No vento, em lindo vôo,
Nossos desejos, nossa emoção...
Paixão de papel, linha a nos enrolar,
Brinquedo para brincar...
E de repente, esse moleque enredado
Pelos descaminhos do sentir,
Encontra um canteiro de amor...
Somos nós com a nova bicicleta.
Gira a roda do destino, coração menino
Deixa-se guiar, precisa amar...
Esse menino, que às vezes chora.
Em certa hora
Implora
Para que o amor não vá embora...
Mas na estrada da vida, há buracos:
E o menino, destino, às vezes parece fraco...
E com sua bicicleta cai ao chão...
Achando que para àquele caminho não mais há solução.
Enganou-se o menino, porque eu o pego pela mão...
E o conduzo não o deixo jogado,
Pois este menino representa a minha felicidade...
Não quero vê-lo assustado...
Pego-o pela mão e vamos juntos, crescer...
Seguir o caminho que se chama Viver.

Duetos

Joana Darc Brasil e Karla Bardanza. *
*Direitos reservados às autoras.


Edna Schneider Lemos

 
Autor
Edna Schneider Lemos
 
Texto
Data
Leituras
1076
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Paloma Stella
Publicado: 01/08/2007 15:21  Atualizado: 01/08/2007 15:21
Colaborador
Usuário desde: 23/07/2006
Localidade: Barueri - SP
Mensagens: 3514
 Re: Caminhos do Destino
Belissimo dueto,
Das poetisas que muito bem assim o fazem.
Com os caminhos do destino,
Chegrão longe se assim seguirem meninas.

Beijinhos