https://www.poetris.com/
 
Acrósticos : 

Abismo

 
Até o som da chuva
irrita,
até o bater da porta,
o som do vento,
o piscar da luz,
o ruído da estrada.

A solidão
tomou conta de mim.

já nao há sol
que me ilumine,
já não há calor
que me aqueça.

Caminho para o abismo
sem me preocupar,
porque o abismo
estara sempre lá
há minha espera
para me apoiar.

Nem que seja
no golpe final.

Dói-me a alma,
sinto um arrepio
que percorre o corpo.
o fim está perto,
tão perto
como sempre esteve,
sempre a nosso lado
á espera do fracasso.

e a apoiar o final
o mais trágico
e talvez,
o mais digno,
porque todos acabamos assim
de fim anunciado.



Lara pereira

 
Autor
Sara Varela
 
Texto
Data
Leituras
634
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Juli Lima
Publicado: 03/08/2007 11:11  Atualizado: 03/08/2007 11:11
Colaborador
Usuário desde: 02/08/2007
Localidade: Rio de Janeiro
Mensagens: 993
 Re: Abismo
Bom dia! Sensório e reflexivo poetar. Bj poesia