https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Em meus braços

 
Tags:  amor    paixão    carinho    cuidado  
 
Queria poder ti ter sempre em meus braços,
Poder te proteger no leito do meu refugio
Poder te mostrar meu esconderijo secreto
Fazer descansar sua alma no regaço das sombras,
Queria ti ter comigo, ao meu lado, pois com você,
Vejo bem mais além do que o horizonte pode me mostrar
Ao seu lado, sinto a mansidão dos ventos suaves que vêem do leste
Quando esta em meus braços, sinto o suave aroma de sua pele macia e sedosa,
Não quero mais ser um simples amigo, quero ser seu eterno companheiro,
Quero ajudá-la a levantar quando você cair, quero poder enxugar suas lagrimas quando chorar, quero poder fazê-la rir quando a tristeza vier, quero poder ti ter em meus braços, para te mostrar o quanto te amo, o quanto se pode amar, quero tê-la em meus braços, para que você possa enxerga o brilho que há no meu olhar.

 
Autor
AlexsanderMoura
 
Texto
Data
Leituras
3272
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 07/10/2010 20:45  Atualizado: 07/10/2010 20:49
 Re: Em meus braços
Boa noite. Li quatro ou cinco textos seus e não me apeteceu ler mais.
Li porque você pediu no chat. Mas não percebi muito bem o que pretendia. Uma opinião literária sobre os seus textos?
Se foi isso, vai ter a minha.
São fraquinhos. Talvez possa encantar uma moça com eles, segredando-os ao ouvido, mas não têm qualquer valor literário. São pensamentos seus, com uma certa dose de juvialidade, de inconsciência, mas nada mais que isso.
Para serem literatura, teriam que, em primeiro lugar, estar bem escritos e não estão, e depois possuirem um carácter universal, onde cada leitor se pudesse enquadrar. Mas não, é você e as suas angústias, de princípio ao fim.
Bom, era mais ou menos isto.
Sendo certo que não gostará da crítica, tem uma boa solução, pular por cima e continuar a escrever. A crítica vale o que vale, ou seja, depende da análise que cada autor for capaz de se fazer.
Era só, boa estadia no site.