https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Remoinho

 




Remoinho


Apaixonado e solitário

Navego por entre letras

Mar de poesia se agita

Nas velas do destino, sigo...

Portos desconhecidos

Amantes da hora

Paixões vão-se ao ar

Gaivotas a bailar

Ondas de sentimentos

Tempestades, tornados

Chuva de rimas

Vou à busca, minha sina...

Todo passado naquela esquina

Que se danem os gêneros

Poemas efêmeros

Duradouro apenas o tema

Já sem hora o dilema

Entrevecer o amanhecer

Timão quebrado

Mar adentra sem leme

Engolido pelos versos

Naufrágio eminente

Lá se fora o universo

Recanto de tantos poetas

O sol se cobre de poente.







Jamaveira®



Jamaveira - O medo escraviza a Alma

 
Autor
jamaveira
Autor
 
Texto
Data
Leituras
517
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
10 pontos
2
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 21/09/2010 17:20  Atualizado: 21/09/2010 17:23
 Re: Remoinho / jamaveira
Bom, a melhor filosofia há de sempre ter a poesia como antecipação, preâmbulo. das maiores-profundas- questões da alma humana.
DIVINO

Levo

Beijos

Enviado por Tópico
carolcarolina
Publicado: 22/09/2010 01:41  Atualizado: 22/09/2010 01:41
Colaborador
Usuário desde: 24/01/2010
Localidade: RS/Brasil
Mensagens: 9297
 Re: Remoinho
Poeta Jamaveira!

Creio que navegar entre letras e receber uma chuva de rimas é o que todo mundo quer.
Bela poesia!
Bjo no coração
♫Carol