https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

FANTASMAS DA CIDADE

 
Noite fria, gélida…
O bafo é fumo quente…
Levanto a gola do casaco
Aconchego a «charpe»
Pelas ruas pouca gente…
Mas muitos fantasmas
Corpos escondidos
Nos recantos
Cobertos de solidão!
Muitos…muitos…tantos!...

No calor do néon
Da zona comercial…
Aí está a sua cama
Os pertences numa saca
…a garrafa, o naco de pão…
Sombras na cidade sombria
Enroladas num cartão!

Que vidas!..
Caminhos de perdição?
Marginalidade um ditame?
Por querer ou não querer
Essa dura condição?

Foram crianças de colo…
Amaram e foram amados…
Com sonhos e pesadelos…
Ou não!..
E acabaram despejados!

Chegaram à asfixia
De «não vale a pena»!
Ou «que hei-de fazer desta vida»?
Viver é coisa pequena
Seja curta ou comprida!

Sinto frio…muito frio…
Um frio não só corporal
Sinto raiva…muita raiva…
Desta vida problemática
Deste mundo desigual!

14.11.2010

 
Autor
MarisaSoveral
 
Texto
Data
Leituras
923
Favoritos
3
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
42 pontos
18
0
3
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
AnaCoelho
Publicado: 14/11/2010 21:51  Atualizado: 14/11/2010 21:51
Colaborador
Usuário desde: 09/05/2008
Localidade: Carregado-Alenquer
Mensagens: 12064
 Re: FANTASMAS DA CIDADE
A dura realidade que se encontra em cada canto. Vidas que foram e agora são pouco de uma sociedade em decadência.

Beijos


Enviado por Tópico
varenka
Publicado: 14/11/2010 22:17  Atualizado: 14/11/2010 22:17
Colaborador
Usuário desde: 10/12/2009
Localidade:
Mensagens: 4211
 Re: FANTASMAS DA CIDADE
Querida poetisa Marisa

Ai que mundo cão! Tudo que está na tua poesia,está
aqui também.Muito bom teu grito!!!

Bjs
Varenka


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 14/11/2010 22:21  Atualizado: 14/11/2010 22:21
 Re: FANTASMAS DA CIDADE
Ola Marisa, comoveu-me o seu poema! Vivemos numa sociedade fria que nao valoriza as pessoas menos favorecidas! Belo o seu poema! Aceite os meus parabens e beijos carinhosos!


Enviado por Tópico
Joanad'Arc
Publicado: 14/11/2010 23:24  Atualizado: 14/11/2010 23:24
Da casa!
Usuário desde: 29/03/2010
Localidade: Lisboa
Mensagens: 254
 Re: FANTASMAS DA CIDADE
Olá, Marisa

Uma bomba no charco... a salpicar todo mundo; mas gosto!

beijinhos
Joana D'Arc


Enviado por Tópico
Karla Bardanza
Publicado: 15/11/2010 00:41  Atualizado: 15/11/2010 00:41
Colaborador
Usuário desde: 24/06/2007
Localidade:
Mensagens: 3491
 Re: FANTASMAS DA CIDADE
O mundo enloqueceu e nós temos raiva da nossa impotência.Bela reflexão Marisa.

Karla B


Enviado por Tópico
Liliana Jardim
Publicado: 15/11/2010 02:40  Atualizado: 15/11/2010 02:40
Luso de Ouro
Usuário desde: 08/10/2007
Localidade: Caniço-Madeira
Mensagens: 4522
 Re: FANTASMAS DA CIDADE
Ola Marisa

Fantasmas da cidade e da vida

Gostei do teu grito em forma de desabafo

Beijinhos
Tudo de bom para ti


Enviado por Tópico
carolcarolina
Publicado: 15/11/2010 17:18  Atualizado: 15/11/2010 17:18
Colaborador
Usuário desde: 24/01/2010
Localidade: RS/Brasil
Mensagens: 9297
 Re: FANTASMAS DA CIDADE
Querida Amiga
Poetisa Marisa!

Fantasmas que rodam as noites procurando abrigo debaixo de marquises povoam as cidades.
Belo poema cheio de verdades, infelizmente!
Bjinhos
♫Carol


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 16/11/2010 23:34  Atualizado: 16/11/2010 23:34
 Re: FANTASMAS DA CIDADE
Ola Marisa

Um poema Maior. Gosto de te ler na vertente social. A chaga do século XXI. A fome, a miséria os desalojados da própria vida

Favorito

Beijo azul


Enviado por Tópico
Vania Lopez
Publicado: 17/11/2010 00:44  Atualizado: 17/11/2010 00:44
Colaborador
Usuário desde: 25/01/2009
Localidade: Pouso Alegre - MG
Mensagens: 17658
 Re: FANTASMAS DA CIDADE
A vida é uma pedrada...Parabéns! bjs