https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

VINHO

 
CLIQUE NA IMAGEM
Open in new window

VINHO
Autor: Carlos Henrique Rangel

Dançavam aos noivos
Os amigos...
Os conhecidos...
Musicas, vinhos
E comidas.
O filho do Homem
E sua mãe...
E aqueles
Que já o seguiam.
Na alegria dos noivos
Secou o necta...
Não a comida
Não a música...
O vinho.
A mãe procurou
O Leão de Judá
É necessário ajudar.
Não é chegada a hora,
Ela sabe
Ele sabe...
No entanto
Que encham de águas
Os potes.
Haverá e houve vinho
Melhor do que havia.
Fez-se vinho
Da água fria.

 
Autor
PROTEUS
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1980
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
11 pontos
3
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
anakosby
Publicado: 11/12/2010 12:14  Atualizado: 11/12/2010 12:14
Colaborador
Usuário desde: 12/04/2010
Localidade: Torres
Mensagens: 1739
 Re: VINHO
Somos de alguma forma, todos alquimistas, quando de 23 letras construímos um universo, de artista.

Muito bela a forma que lembraste esta alquimia, diria mais da água fria pode fazer-se alegria.


beijo enorme meu querido e genial poeta.


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 11/12/2010 12:25  Atualizado: 11/12/2010 12:25
 Re: VINHO
Talvez os homens
se atirem
para baixo
enquanto a mulher
mais abaixo
está...

...Que é por cima
do que no Alto
É.

LSJ,111220101225

FELIZ NATAL