https://www.poetris.com/
Prosas Poéticas : 

SETE DE SETEMBRO

 
Tags:  PROSAÍSMOS  
 
SETE DE SETEMBRO

D'um obscurantismo jamais visto as fotos do dia da Pátria, hoje, em Brasília: O presidente da República do Brasil acompanha o tradicional desfile da Independência ladeado por um bispo neo-pentecostal e o dono d'um grupo de mídia.

Obscurantista sim, pois remete ao tempo em que os chefes da nação se faziam acompanhar por autoridades eclesiásticas… Não poucos veículos de imprensa ressaltaram, diante das imagens publicadas, a substituição dos presidentes do Congresso e do Supremo nos devidos postos de honra d'uma república que, constitucionalmente, ainda divide o Estado brasileiro em três poderes independentes.

Ainda… A não ser que, movidos pelo simbolismo das fotografias, entendamos de vez que os poderes que o actual presidente realmente reconhece -- de modo absolutamente autocrático e ao arrepio da Constituição Brasileira -- sejam aqueles presentes nas monarquias medievais, a saber, o Temporal, da Realeza; e o Espiritual, da Igreja -- aos quais, a partir de 2019, o Brasil parece ter retornado. 

Vale recordar, por outro lado, que não apenas bispo neo-pentecostal, Edir Macedo é também dono de grupo de mídia. A elevação do empresário religioso à autoridade da República no desfile d'este sete de setembro reforça o entendimento de que Bolsonaro seja hoje, antes de mais nada, um governante ávido de domínio sobre amplos setores da opinião pública. Igualmente digna de nota a distinção feita ao também dono de grupo de mídia, o apresentador Sílvio Santos, como se a estabelecer que sua concessionária de comunicação social passe a assumir a posição de voz privilegiada d'este novo-mas-já-velho regime político.

A falta de pudor de Bolsonaro em exibir os "seus" canais de mídia eletrônica forçosamente nos leva a pensar sobre como serão os próximos meses e anos de seu governo. Vejamos: A comunicação social deverá ser cada vez mais cuidadosa se comparada à exagerada exposição que o actual presidente se impôs desde o início do ano. As honras de autoridades recebidas pelos empresários deverão se traduzir em apoio editorial escancarado em seus programas de jornalismo e entretenimento. Já dominante em amplos espaços de comunicação nas redes sociais, o bolsonarismo passará a entrar sistematicamente nos lares com seu discurso a flertar ora com o conservadorismo econômico; ora com o extremismo político na condução dos destinos da nação.

Mas mais simbólico, para todos os efeitos, é esse alinhamento explícito entre o antiesquerdismo truculento que Bolsonaro lidera e a ascensão do neo-pentencostalismo como religião e moralidade dominantes no país. A laicidade do Estado Brasileiro foi mais uma vez ignorada n'esse governo em face do projeto de poder cristianizador que as referidas igrejas procuram exercer de modo crescente na sociedade brasileira.

Ao escolher um líder religioso em lugar d'uma autoridade, o presidente demonstra desprezar o simbolismo da República bem como os princípios de nossa Constituição. 
Não nos enganemos: O futuro que se está a construir hoje, no eixo monumental de Brasília, tende a descambar n'um fundamentalismo cristão conveniente e conivente com o autoritarismo.

O Brasil que se celebra independente insiste em olhar para o passado e se desejar colônia novamente d'algum império que, sob pretexto de nos civilizar, pós-moderniza o cristianismo com vias a exercer em nome de Deus domínio sobre corações e mentes... Até que o poder central volte a ser familiar, hereditário e, afinal, absoluto.

Mas isso já são outros quinhentos.


Ubi caritas est vera
Deus ibi est.


 
Autor
RicardoC
Autor
 
Texto
Data
Leituras
185
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
28 pontos
10
1
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 08/09/2019 02:44  Atualizado: 08/09/2019 02:44
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 16139
 Re: SETE DE SETEMBRO
Com certeza, Ricardo, é um absolutismo e um mercantilismo disfarçado. Excelente texto para reflexão!

Ao escolher um líder religioso em lugar d'uma autoridade, o presidente demonstra desprezar o simbolismo da República bem como os princípios de nossa Constituição.
Não nos enganemos: O futuro que se está a construir hoje, no eixo monumental de Brasília, tende a descambar n'um fundamentalismo cristão conveniente e conivente com o autoritarismo. O Brasil que se celebra independente insiste em olhar para o passado e se desejar colônia de novo d'algum império que, sob justificativa de nos civilizar, pós-moderniza o cristianismo com vias a exercer em nome de Deus domínio sobre corações e mentes, até que o poder central volte a ser familiar, hereditário e, afinal, absoluto.




Enviado por Tópico
PROTEUS
Publicado: 08/09/2019 13:26  Atualizado: 08/09/2019 13:26
Colaborador
Usuário desde: 27/03/2010
Localidade:
Mensagens: 3647
 Re: SETE DE SETEMBRO
O FIM DA ERA QUE NÃO VEIO:
O mundo dos idiotas fascistas está se firmando.
A Era de Aquários foi esquecida em uma gaveta mofada e o mundo caminha para a destruição fomentada pelos monstros que renascem em todos os cantos, com sua religiões desrespeitosas, sua cultura rasa, sua terra plana,
seu autoritarismo, machismo, racismo elevado ao extremo. Ou os bons se levantam ou serão esmagados e assistirão o fim em suas lápides empoeiradas das cinzas da catástrofe.
De onde veio tanto retrocesso?
Quem abriu a Caixa de Pandora do fim do mundo?
Quem destampou a latrina infestada de monstros travestidos de mitos?
Quem destruiu as esperanças dos que pensavam a paz, a harmonia, a vida comunitária sem miseráveis e explorados?
A Era que viria foi afogada no ódio, no despreparo, na ignorância, no egoísmo e na desumanidade...
O fim está próximo.. No parente, no vizinho, no idiota ao lado.
(Proteus).


Enviado por Tópico
PROTEUS
Publicado: 09/09/2019 05:41  Atualizado: 09/09/2019 05:41
Colaborador
Usuário desde: 27/03/2010
Localidade:
Mensagens: 3647
 Re: SETE DE SETEMBRO
MONSTROS NÃO TIRAM FÉRIAS:

MONSTROS NÃO TIRAM FÉRIAS...
SÃO O QUE SÃO.
NÃO FINGEM POR MUITO TEMPO.
AS MÁSCARAS QUE USAM SÃO TRANSPARENTES
E POSSUEM PRAZO DE VALIDADE.
NÃO SE ENGANEM COM SEUS ELOGIOS...
SE ESSES VIEREM.
POR TRÁS
DE TODOS OS SEUS ATOS
O ÓDIO TRANSBORDA...
É DA NATUREZA DOS MONSTROS
SEREM O QUE SÃO: MONSTROS...
MONSTROS SÃO MONSTROS ATÉ QUANDO DORMEM
E SE SONHAM,
SONHAM COM O MUNDO SUBJUGADO A SEUS PÉS.
MONSTROS, MEU AMIGO,
NÃO TIRAM FÉRIAS.
(Proteus).


Enviado por Tópico
PROTEUS
Publicado: 11/09/2019 00:59  Atualizado: 11/09/2019 00:59
Colaborador
Usuário desde: 27/03/2010
Localidade:
Mensagens: 3647
 Re: SETE DE SETEMBRO
ESCOLHAS:
Então, qual o caminho a seguir?
Os menos cultos, covardes e alienados escolheram o caminho mais "fácil" de apoiar o mal ignorando a maldade para fugir do que lhe disseram ser o "mal maior".
Que futuro pode ter um país que, de tempos em tempos escolhe errado os seus governantes e não aprende.
Nunca aprende apesar da falta de liberdade, dos confiscos, dos ódios...
Talvez por que no fundo escolhem seus iguais.
Somos o país onde uma parcela da população se sente atraída pelos "Pais do Povo", os "Salvadores da Pátria" cheios de verdades preconceituosas e racistas.
Monstros que não disfarçam suas qualidades de monstros.
Então, qual o caminho se quem caminha não sabe caminhar?
Sairemos deste novo desafio como sempre saímos:
Com muito sofrimento, miséria e perda de direitos.
Novamente teremos um intervalo de um governo sério e engajado e logo em seguida embarcaremos em nova aventura fascista.
Como faz falta o caráter e uma tradição democrática...
(Proteus).