https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Cor de carmim

 
Estou farta
Aborrecida, cansada
Desta vida que lentamente mata
E para a qual já nasci fadada.

São desígnios do Senhor
Viver assim
Aguardando sempre o doce amor
Cor de carmim.


Patrícia de Portugal

 
Autor
quimera
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1636
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.