https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Embalo do mar

 
Estou-me a deixar embalar

Pelas ondas do mar

Não pode ser

Tenho que parar

Pois sem saber

Novamente ao abismo

Posso cair.

Será isto masoquismo

Ou simplesmente imprudência?

Mas como resistir,

Como ter consciência,

Saber destinguir

A boa da má vivência?

Mas basta o existir

Basta a carência

Para a cabeça não intervir

Neste coração com tendência

A nunca desistir

De procurar

Amar…..



Patrícia de Portugal

 
Autor
quimera
Autor
 
Texto
Data
Leituras
541
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.