https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Dedicatória : 

Filha do fado

 
Na Primavera do meu viver
Concebi a mais bela das flores
Chegando pela manhã
Como um arco-íris de lindas cores
Aconcheguei junto ao peito
Aquela oferta que Deus me dava
Flor frágil e indefesa
A minha seiva procurava
Margarida de seu nome
Entre todos o escolhido
Era a mais linda das flores
O meu jardim tinha florido…
Criança alegre e muito viva
Ao meu lar dava cor
Aquele menina que crescia
Rodeada de carinho e amor
Perspicaz e muito vaidosa
Com muito brilho no olhar
Brincava ás escolinhas
Mostrava gosto por cantar
O tempo foi passando
E a adolescência já espreitava
Aquela flor que era tão minha
Entre as outras se destacava
Deixa frescura por onde passa
Com seu ar de cantadeira
A minha flor enamorou-se do fado
E canta-o à sua maneira
Hoje, no Verão da minha vida
Sinto em mim grande alegria
Por ter trazido ao mundo
Uma voz que o fado guia
A Margarida não é só minha
É filha do fado também
Desta herança tão Portuguesa
Que orgulha qualquer mãe.

 
Autor
PaulaMartins
 
Texto
Data
Leituras
842
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
MariaSousa
Publicado: 30/09/2007 21:09  Atualizado: 30/09/2007 21:09
Membro de honra
Usuário desde: 03/03/2007
Localidade: Lisboa
Mensagens: 4096
 Re: Filha do fado
Belo poema, Paula!

Bjs

Enviado por Tópico
rosamaria
Publicado: 01/10/2007 12:16  Atualizado: 01/10/2007 12:16
Colaborador
Usuário desde: 10/09/2006
Localidade: Mindelo - Vila do Conde
Mensagens: 1015
 Re: Filha do fado
olá Paula
que lindo poema que linda a tua Margarida. Parabéns
jinhos
Rosamaria