https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Sombrios : 

NEVOEIRO DA VIDA

 
NEVOEIRO DA VIDA





Sentado e acordado na vida
Qual pensador em desespero
Tentando sarar a ferida
Que o consome como bicho o pêro


Essa ferida sem chaga
Que lhe ataca a mente
Luta o herói contra a praga
Como guerreiro bravamente


É uma guerra de todo injusta
Duma violência amarga
É a derrota que mais o assusta
Por isso a luta ele não larga


Luta e luta desesperadamente
Perdido neste nevoeiro
Que é a vida quase ausente
Sem norte e sem paradeiro


O nevoeiro é intenso
E é difícil seguir caminho
Neste labirinto denso
Que o faz ficar sozinho


Resistindo à intempérie
Que é o nevoeiro que da vida emana
Luta porque a vida ele quer
Nesta espera Sebastiana




Arménio

Open in new window

 
Autor
Arménio Cruz
 
Texto
Data
Leituras
1388
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 07/10/2007 16:47  Atualizado: 07/10/2007 16:47
 Re: NEVOEIRO DA VIDA
A VIDA TEM TODOS OS CLIMAS E INFELIZMENTE IMENSO NEVOEIRO, QUE NOS DEIXA DESONRIENTADOS, TANTO NO MAR COMO TERRA. CALCULO A SUA ENORME LUTA NO SEU DIA A DIA, MAS HAVERÁ SEMPRE DE TER ESPERANÇAS, POIS RAIOS DE LUZ, MESMO VINDOS DE LONGE DÃO MAIS VIDA, MAIS LUZ A NOSSOS DIAS.
QUE ESSE NEVOEIRO SEJA PASSAGEIRO E NUNCA SEBASTINO, A VIDA É BELA QUANDO EXISTEM PESSOAS NO MUNDO COMO O MEU ESTIMADO AFILHADO.
QUE DEUS LHE DEI SEMPRE ESSA LUZ QUE TANTO MERECE.

Enviado por Tópico
FRANCISCO QUARTA
Publicado: 10/12/2007 14:32  Atualizado: 10/12/2007 14:32
Participativo
Usuário desde: 03/12/2007
Localidade: PONTA DELGADA AÇORES
Mensagens: 15
 Re: NEVOEIRO DA VIDA
ESTE SEU NEVOEIRO DA VIDA ESTÁ RELACIONADO COM ESTADIO DE ALVADE 2001, É SÓ NEVOEIRO E POR ISSO NÃO CONSEGUEM VER AS BALIZaS E GOLOS NADA .....

Open in new window