https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Esperança : 

O Que Me Cabe Do Meu Destino

 
Tags:  vida    destino    consciência    providência  
 
Vi no horizonte do mar um veleiro
Enfrentando as ondas revoltas
Perguntei-me se tinha alguma rota
Traçada por um capitão astuto

Assim penso também em minha vida
Em que nada parece planejado
Que entre tempestades e calmarias
Desconheço um rumo estabelecido

Confiando em divina providência
Ainda que não conhecendo o desígnio
Faço a minha parte nesse caminho
Obedecendo bem a minha consciência





Rodolfo G. Neves

 
Autor
Perseus
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1150
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
6 pontos
6
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 27/08/2011 22:31  Atualizado: 27/08/2011 22:31
 Re: O Que Me Cabe Do Meu Destino
Todos navegamos num mar desconhecido! Parabéns, Rodolfo!


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 27/08/2011 23:11  Atualizado: 27/08/2011 23:11
 Re: O Que Me Cabe Do Meu Destino
UMA IMENSIDÃO ONDE O DESTINO O HORIZONTE IRÁ NOS MOSTRAR.

QUE MARAVILHA DE POEMA


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 28/08/2011 09:42  Atualizado: 28/08/2011 09:42
 Re: O Que Me Cabe Do Meu Destino
o mar desconhecido de nós mesmos! Muito bom demais!