Textos : 

Templo

 
Talvez a difamação seja só um meio de profanar o templo onde guardo todas as lembranças de menina. Talvez seja só uma memória que ficou algures em outro tempo, quando ainda não sabia se tu virias ao meu encontro. Recebo-te como quem recebe um credo, atendendo a que não sei como ficar neste patamar elevado ao surrealismo e idealizado por um olhar triste, porque sempre te sinto ir sem saber se voltas cedo ou tarde neste dia em que me debruço na janela e vejo as águas paradas no Tejo. São elas que me levam quando descanso os olhos nesse leito sossegado. Lembro os dias em que ficava na noite à espera de ouvir um som, um qualquer som que me dissesse onde te poderia encontrar e nada me dizia nada, a não ser um amontoado de vivências soltas, quando em outro rio me deitava e me deixava ficar a ouvir o estalar das pinhas nos pinheiros, até que o sol se fosse. Foi sempre assim este templo; portas abertas para o tudo ou o nada, paredes nuas onde pinto todos os sorrisos, vidraças furadas, estilhaçadas pelo meu olhar novo e deixando-me ficar simplesmente à espera que o sono me leve para algum lugar.

Profana esta melodia que de dia se confunde com os ruídos da tua rua, quando as palavras são só um meio para iniciar a fuga, essa loucura escondida a paredes meias com o medo de serem encontradas, o desejo de serem profanadas até à mais pequena nota onde se inventam outras melodias escondidas. Talvez as palavras se diluam, talvez as crendices se apaguem e provoquem o desfecho duma história que faz do templo um lugar para se encontrar o verdadeiro acreditar nas palavras que merecem ser ouvidas e não profanadas num canto qualquer da tua rua.
 
Autor
ÔNIX
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1052
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
14 pontos
6
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Perseus
Publicado: 06/09/2011 14:34  Atualizado: 06/09/2011 14:34
Super Participativo
Usuário desde: 26/03/2011
Localidade: Olinda, Pernambuco
Mensagens: 103
 Re: Templo
Belíssimo texto, Ônix, um dos melhores que já li até agora. Percorri todas as linha com emoção e visualizei tuas descrições e sentimentos.
Parabéns.
Um grande abraço.


Enviado por Tópico
VónyFerreira
Publicado: 06/09/2011 16:21  Atualizado: 06/09/2011 16:21
Membro de honra
Usuário desde: 14/05/2008
Localidade: Leiria
Mensagens: 10301
 Re: Templo
Aplaudo a poeta e o texto.
Com sinceridade!
Vóny Ferreira


Enviado por Tópico
arfemo
Publicado: 06/09/2011 20:20  Atualizado: 06/09/2011 20:20
Colaborador
Usuário desde: 19/04/2009
Localidade:
Mensagens: 4812
 Re: Templo
olá!

bom regressar quando se encontram os amigos e melhor ainda quando eles nos prodigalizam a beleza da sua escrita.Revisitações a templos profanados são por vezes o nosso alimento e guia...

bjs