https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

RESCALDO DE CALDO RALO

 
Tags:  poema    mensagem  
 


Gê Muniz

RESCALDO DE CALDO RALO

Ao menos, de tanta desnobre escrita,
........Reste um caldo ralo de se pensar
........Mesmo seja isso um quase-nada
........(Uma lufada indelével de ar...)
Mesmo seja a única palavra dita
........Uma desdita rejeitada sem pesar
........Por uma imperita mudez calculada
........Cética, hermética, a me retratar
 
Autor
GeMuniz
Autor
 
Texto
Data
Leituras
814
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
16 pontos
8
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 23/09/2011 22:07  Atualizado: 23/09/2011 22:07
 Re: RESCALDO DE CALDO RALO
Curto mas bonito o poema parabens


Enviado por Tópico
luisroggia
Publicado: 23/09/2011 22:14  Atualizado: 23/09/2011 22:14
Colaborador
Usuário desde: 12/01/2011
Localidade: Joinville - SC
Mensagens: 2640
 Re: RESCALDO DE CALDO RALO
Olá Gê!

A tua escrita hermética rompe as barreiras da poesia e habita todos os que a leem, inclusive eu

Abraço.


Enviado por Tópico
Valdevinoxis
Publicado: 24/09/2011 00:27  Atualizado: 24/09/2011 00:27
Colaborador
Usuário desde: 27/10/2006
Localidade: Aguiar, Viana do Alentejo
Mensagens: 1997
 Re: RESCALDO DE CALDO RALO
Curioso. Revi-me neste texto. Apesar de ser uma negação de alto a baixo, torna-se numa forte afirmação de vontade.
Mas o que mais gostei foi da multiplicidade de leituras que permite e provoca.

Este marco no rol dos meus favoritos. Caiu-me no goto.

Valdevinoxis


Enviado por Tópico
Virgínia
Publicado: 24/09/2011 12:35  Atualizado: 24/09/2011 12:35
Muito Participativo
Usuário desde: 21/04/2011
Localidade:
Mensagens: 95
 Re: RESCALDO DE CALDO RALO

Um perfeito (e delicioso) consomé, onde o quase-nada é tudo.
Beijo de muita admiração em você.
Virgínia