https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

SOLIDÃO

 
SOLIDÃO
Autor: Carlos Henrique Rangel

De novo o frio
E a solidão...
Um silêncio
Quase um berro
Vigia a sala vazia...
E me espreita o coração...
Lá fora
A noite é um reflexo
Do meu peito
E eu lamento...
A tristeza
É menina má...
Brinca de machucar...
Dói
E ela sabe que dói...
Uma ruga pesa
Em minha testa
Que vontade de dormir
E acorda feliz...

Sonhar é bom...


"A solidão é tão densa que me pesa os ombros... Me faz olhar o céu por outros ângulos..."
(Carlos Henrique Rangel)

 
Autor
PROTEUS
Autor
 
Texto
Data
Leituras
673
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 17/10/2011 14:20  Atualizado: 17/10/2011 14:20
 Re: SOLIDÃO
É desse frio que tenho medo...
E penso eu que todos temos.
Gostei do seu poema.Belo e sentido.
beijos meus.