https://www.poetris.com/
 
Poetrix : 

INDIZÍVEL

 
INDIZÍVEL

Corre pelas veias
Laceia a língua
A boca saliva

(MEG)

 
Autor
MiguelGonçalves
 
Texto
Data
Leituras
842
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
13 pontos
5
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Transversal
Publicado: 30/01/2012 19:18  Atualizado: 30/01/2012 19:18
Colaborador
Usuário desde: 02/01/2011
Localidade: Lisboa (a bombordo do Rio Tejo)
Mensagens: 3769
 Re: INDIZÍVEL
inexplicável mesmo "pelas veias"
ou extraordinário "a boca saliva"

Gostei. Obrigado.

Abraço-te

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 30/01/2012 19:38  Atualizado: 30/01/2012 19:38
 Re: INDIZÍVEL
Excelente.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 30/01/2012 19:50  Atualizado: 30/01/2012 19:50
 Re: INDIZÍVEL
Perfeito...gostei.

O inefável torna-se indelével...


Abraço

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 30/01/2012 22:18  Atualizado: 30/01/2012 22:18
 Re: INDIZÍVEL
*Por vezes o silêncio

Debruça-se tal voz de um poema

Os versos proferem

O inexplicável.


Karinna*


BjM-
K*

Enviado por Tópico
Migueljaco
Publicado: 27/02/2012 16:24  Atualizado: 27/02/2012 16:24
Colaborador
Usuário desde: 23/06/2011
Localidade: Taubaté SP
Mensagens: 10240
 Re: INDIZÍVEL
Boa tarde Miguel, seus versos narram uma reação orgânica, de intensa satisfação,
Sem um motivo identificado, parabéns pelo seu contundente poema, MJ.