https://www.poetris.com/
 
 
Open in new window

*2014

Olhando vi a criança pequenina
Nas palhas, o menino já sorria,
Os magos prostrados em harmonia,
Nascia o primeiro ano, alquimia.

Séculos voaram agora vinte e um.
O mesmo céu registra na história,
A mesma estrela guia essa glória,
A humanidade em afago comum.

Chegamos aqui dois mil e quatorze
Com a mesma esperança acumulada
Que roga ao redentor, paz almejada.

Angústia, dor, tristeza, e lamento
Abafa grito, aplauso. É réveillon
O colorido e começo em novo tom.

FELIZ ANO NOVO E PAZ MUNDILA


Livros Publicados:
- Por Justa Causa - contos
- Nas Entrelinhas (200 sonetos)
- A Pequena May - juvenil
-Datas Comemorativas em Poesias
-Eu Poesia, Contos e Crônicas
-No Reino de Sininho, infantil
- A Janela Azul
- Contação de História Infantil...

 
Autor
SoniaNogueira
 
Texto
Data
Leituras
869
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martims
Publicado: 31/12/2013 23:26  Atualizado: 31/12/2013 23:26
Colaborador
Usuário desde: 12/08/2013
Localidade:
Mensagens: 6823
 Re: *2014
Palavras de sabedoria que cobre esse maravilhosos poema. Tenha um feliz 2014

Enviado por Tópico
Migueljaco
Publicado: 01/01/2014 14:19  Atualizado: 01/01/2014 14:19
Colaborador
Usuário desde: 23/06/2011
Localidade: Taubaté SP
Mensagens: 9716
 Re: *2014
Boa tarde Sonia, seus versos abarcam com primazia esta aura que nos compele no inicio do ano, parabéns pelo contagiante poema, um grande abraço, MJ.