https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

A DOR DO AMOR

 


Open in new window












A DOR DO AMOR

a dor do amor é como um relâmpago
num céu limpo e azulado
intenso, possante, dominador
o coração se sente assim...despedaçado
é assim...a dor do amor
por que o amor dói?
se deveria apenas amansar a alma
por que exulta-se? incendeia-se?
por que queima? arranca a pele?
a dor do amor
parece ferida aberta
sangra... fica exposta
e não há band-aid que a cubra
não há remédio que a anestesie
arrepia a alma, parece que nunca passa
é como numa janela de um trem
quando a paisagem passa...passa....
e nunca acaba...
como se o mundo não tivesse um fim
naquelas estradas intermináveis
assim é a dor do amor
uma loucura em vida
um pano de fundo
um riso descontrolado
um choro descompassado
a dor do amor só passa
quando acorda a alma
que dorme tranquila
e a deixa em alvoroço
ela quer a presença
o cheiro, o toque, o abraço
quer o beijo enroscando línguas
as pernas entrelaçadas
e depois do amor
essa mesma dor, o amor abraça
fecha os olhos devagarinho
acalma todos os sentidos
e fica em estado de graça

*Mary Fioratti*




 
Autor
MaryFioratti
 
Texto
Data
Leituras
811
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
5 pontos
3
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Branca
Publicado: 18/10/2014 20:07  Atualizado: 18/10/2014 20:07
Colaborador
Usuário desde: 05/05/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 2992
 Re: A DOR DO AMOR
Mary gostei de ler-te.
Mas acho que a "dor do amor" é paixão, o amor sem dor é apenas amor.
Beijo querida poetisa.

Branca

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 18/10/2014 20:30  Atualizado: 18/10/2014 20:30
 Re: A DOR DO AMOR
Quem o amor assim canta
O trata com todo o carinho
Apesar do nó na garganta
Encontra sempre seu ninho!

Um amor dói na ausência da pessoa amada. Aquando do reencontro, a dor se desfaz, em amor!

Beijo

Enviado por Tópico
Eureka
Publicado: 19/10/2014 12:18  Atualizado: 19/10/2014 12:18
Colaborador
Usuário desde: 02/10/2011
Localidade: Lisboa
Mensagens: 4239
 Re: A DOR DO AMOR
Olá Mary

Belissimo o teu poema, retratando muito bem o estado do amor, sempre em ferida aberta.
E perguntas "e porque o amor doi?".
Há uma resposta para isso, que se prende com o facto do amor ser uma sentimento do inconcreto, sempre dependendo do alvo do nosso sentimento. Por isso ele sempre dói, porque não depende apenas de nós, depende do outro.

Pois que seja, que fique em estado de graça, se possível todos os dias se renovando -

" e depois do amor
essa mesma dor, o amor abraça
fecha os olhos devagarinho
acalma todos os sentidos
e fica em estado de graça"

Parabéns, adorei ler-te
Beijinhos
Eureka