Poemas : 

a luz que há em mim

 

A luz que há em mim
É sensível
Como uma pedaço de cetim
A luz que há em mim
É verdadeira e forte
Como o cheiro do alecrim
A luz que há mim
Tem dias que não brilha tanto
E tem dias em que brilha demais
A luz que há em mim
Fecha-se nas alturas difíceis
Mágoas que magoam
São pássaros que não voam
A luz que há em mm
Resplandece para quem merece
Alegrias que alegram
São pássaros que não se negam
A luz que há em mim
Tem sentimento
Tem um poder enorme de demonstrar
O que tem por dentro
A luz que há em mim
Não é mais que uma simples luz
Com o seu interruptor
Que se desliga em momentos de dor
Mas que também se liga
E faz questão de brilhar fortemente
Em momentos de amor
A luz que há em mim
É luz
De vez em quando escurece
De vez em quando reluz !


não é dificil ser alguém é fácil é não ser ninguém

 
Autor
SaraCosta
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1237
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
16 pontos
2
3
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 26/09/2014 15:22  Atualizado: 26/09/2014 15:22
 Re: a luz que há em mim
A luz que há em mm
Resplandece para quem merece

A luz que há em mim
É luz
De vez em quando escurece
De vez em quando reluz !

Amei intensamente estas partes. Luz

Enviado por Tópico
HelderOliveira
Publicado: 26/09/2014 19:23  Atualizado: 26/09/2014 19:23
Da casa!
Usuário desde: 09/02/2014
Localidade: Angola
Mensagens: 314
 Re: a luz que há em mim
Alô SaraCosta:

Belo poema em que o contraste da luz é o pano de fundo.

"A luz que há mim
Tem dias que não brilha tanto
E tem dias em que brilha demais..."

É como se houvesse um interruptor a controlar os estados de espírito
que se vão sucedendo...

"A luz que há em mim
Não é mais que uma simples luz
Com o seu interruptor
Que se desliga em momentos de dor
Mas que também se liga
E faz questão de brilhar fortemente
Em momentos de amor..."

SaraCosta que essa "luz" se mantenha sempre acesa e forte,
é o que lhe deseja o
Helder Oliveira