https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Cyber homo

 
Cyber homo
 
A memória é um chip
Tem led no lugar dos olhos
O destino programado em GPS
Sabe dos quasares e dos pulsares
Mas estranha o coração.
E quando “sente” a perda do controle:
- humanidade, tenho um problema, câmbio.

 
Autor
Danclads
Autor
 
Texto
Data
Leituras
910
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
6 pontos
2
2
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 21/10/2014 01:28  Atualizado: 21/10/2014 01:28
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 18112
 Re: Cyber homo
É bem assim! Ótimo! Adorei a leitura!
Beijos!
Janna

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 21/10/2014 01:39  Atualizado: 21/10/2014 01:39
 Re: Cyber homo
seu poema me fez lembrar do filme o «homem bicentenário» q já assisti enes vezes e sempre me faz comoção,por lógicas q se tenha a racionalidade humana e avance para o progresso tecnológico,o coração repousado no espírito sempre será um grande mistério e é bem ai mesmo q se aciona o «cambio» super bacana sua criação.