https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Eu vejo você...

 
 
Um dia eu sonhei...
Um sonho estranho eu sei...
Mas o que são sonhos, me perguntei...

Se tudo que existe, já é ou era...
Contam história ou estórias, vai saber...
Então vou abrir os olhos d\\\\\\\\\\\\\\\'alma...

Quem sabe mais longe posso ver!...é..
Eis aqui meu sonho estranho...
Quem sabe o que pode dizer...

Sonhei que estava de repente...
Frente-a-frente á Esfigie, e pasmem...
Olhos-nos-olhos em desafio, que horror...

E ela dizia:
\\\"Decifra-me ou te devoro\\\"...e eu ria...
Olhando bem em seus olhos...

E disse, ou no sonho dizia, nem sei...
Tu, beldade, foi construida...
Pela vaidade de tuas palavras humanas...

Sempre fui contra ti, bem sabes...
Mas tudo tem um porquê, também sei...
Mas antes de te decifrar, o que já sei...

Vou te dizer o que não sabes...
Ou não queres saber...e te respeito...
Pois teu segredo está no que não dizes...

Mas se olhares bem em meus olhos...
Verá! Que antes de te decifrar....ah...
Meus olhos já sabiam porque existes!

Então onde se esconde a verdade...
Nas palavras que emites...
Ou nos olhos que a mirastes...

A verdade Pandora soltou...
Cada um tem a sua, isso eu sei...
Mas uma verdade que ninguém sabe...

É que se te escondes pela boca...
Aquela que não sabe, ou não quer saber...
Teus olhos, nunca mentirão sobre você...

Pois se em mil anos reviver...
Todos estarão descritos, escancarados...
Na menina de teus olhos, ou no menino...

Quem sabe, vai saber...
Assim dizem os antigos...
T\\\\\\\\\\\\\\\'alma verdadeira jamais poderá esconder..

Somente quem tem olhos...pode...
Enxergar e ver, quem és tu de verdade...
Somente teus olhos vão dizer!

Aí, acordei...que petulância, pode...
Eu uma simples humana...
Tentando decifrar séculos de sabedoria!

Mas como sonhar faz parte...
Me pergunto...sonho a vda...
Ou ela me sonha...vai saber!

Juro que acordei com uma sensação...
Na esfigie...vi de soslaio...um sorriso...
E sorri...nos lábios da minha imaginação!



\\\"... no pronaos (pátio)Templo de Apolo em Delfos.


Ó homem, conhece-te a ti mesmo e conhecerás os deuses e o universo.\\\"




DRAGONFLY

 
Autor
Dragonfly
Autor
 
Texto
Data
Leituras
2626
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
33 pontos
7
5
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 11/12/2014 16:14  Atualizado: 11/12/2014 16:14
 Re: Eu vejo você...
invejo, Vejo, e vendo, vivo e existo

Fernando Pessoa


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 11/12/2014 17:18  Atualizado: 11/12/2014 17:18
 Re: Eu vejo você...
Que menina atrevida..rsrsrsrs....mas inteligente e sábia, conseguindo um sorriso da esfinge arrancar. A sensibilidade de ler, de enxergar o que está por trás do olhar não é fácil de se lidar. E quantos acham que conseguem e o que na verdade veem, são seus próprios reflexos...mas outros de fato tem esta perspicácia. Por curiosidade, qual a cor dos olhos da esfinge?? Muito bem desenhado...parabéns grande libélula. Beijão.


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 20/12/2014 11:31  Atualizado: 20/12/2014 11:31
 Re: Eu vejo você...
Uma imaginação perfeita....


Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 11/06/2015 12:05  Atualizado: 11/06/2015 12:05
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29356
 Re: Eu vejo você...
Olhos que se faz no plasmo dos pensamentos, que versifica-se no atono da imaginações, que vem dos sonhos aqueles sentimentos fluvianos, que os mirantes olhares se revelam numa essência de amor.