https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Solto-me das amarras

 
Tags:  liberdade  
 
Não me digam que o céu é azul
Se posso sonhá-lo da cor que eu quiser!
Não me falem do cheiro das rosas
Se lhes posso dar o aroma do meu perfume!
Não me tentem calar
Porque posso gritar histericamente o teu nome!
Não me prendam os pulsos
Porque mais tarde ou mais cedo
Solto-me das amarras e mostro-me...
Sou frágil como um copo de cristal
Mas forte como o mar enraivecido.
Não me acusem do que não faço
E não erguerei os punhos.
Não me obriguem a nada!
Deixem-me ser assim...
Solta, livre,
Apaixonada pela vida e de riso fácil!
Não me peçam para dormir
Se tenho tanto para escrever
E ainda não sei as letras todas do meu nome!
 
Autor
Vera Sousa
 
Texto
Data
Leituras
3002
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
29 pontos
13
0
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Liliana Jardim
Publicado: 04/02/2008 23:55  Atualizado: 04/02/2008 23:55
Luso de Ouro
Usuário desde: 08/10/2007
Localidade: Caniço-Madeira
Mensagens: 4528
 Re: Solto-me das amarras
Solta essas amarras e continua a mostrar-te, Vera
Que eu continuo a gostar de te ler.

..."Sou frágil como um copo de cristal
Mas forte como o mar enraivecido."

Assim é que é POETISA.
Beijo amigo

Enviado por Tópico
Tália
Publicado: 05/02/2008 00:07  Atualizado: 05/02/2008 00:07
Colaborador
Usuário desde: 18/09/2006
Localidade: Lisboa
Mensagens: 2503
 Re: Solto-me das amarras
UAU!

Enviado por Tópico
Zélia Nicolodi
Publicado: 05/02/2008 00:23  Atualizado: 05/02/2008 00:23
Colaborador
Usuário desde: 18/01/2008
Localidade: Curitiba - PR.
Mensagens: 983
 Re: Solto-me das amarras
Nada nessa vida, é mais importante que a liberdade
de ser e expressar-se, como dita o nosso coração!
Um brado pela individualidade...Gostei muito!
Beijos no seu coração, doce poetisa...

Enviado por Tópico
q14
Publicado: 05/02/2008 00:25  Atualizado: 05/02/2008 00:25
Da casa!
Usuário desde: 02/10/2007
Localidade:
Mensagens: 247
 Re: Solto-me das amarras
"ainda não sei as letras todas do meu nome!" é um fim que me parece que ficou muito bem.

Enviado por Tópico
Gilberto
Publicado: 05/02/2008 00:43  Atualizado: 05/02/2008 00:43
Colaborador
Usuário desde: 21/04/2007
Localidade: V.Nde GAIA-Porto
Mensagens: 1804
 Re: Solto-me das amarras
Nunca deixes que essas amarras...te prendam a vontade de escrever, poemas tão belos como este!

Gostei muito!

Beijinhos...

Gilberto

Enviado por Tópico
Luis F
Publicado: 05/02/2008 01:41  Atualizado: 05/02/2008 01:41
Colaborador
Usuário desde: 15/08/2007
Localidade: Alcochete
Mensagens: 1184
 Re: Solto-me das amarras
Amiga, que bem que soltaste as amarras

Lindo

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 05/02/2008 02:05  Atualizado: 05/02/2008 02:05
 Re: Solto-me das amarras
Sua poética é de forte presença, nas imagens, no subjetivismo a decantar uma história muito boa e pela qualidade desse poema, que possui a sua marca, de arrebatamento, de palavras incisivas e de notável qualidade literária.
Beijos e saudações de Godi.

Enviado por Tópico
Doriana
Publicado: 05/02/2008 02:07  Atualizado: 05/02/2008 02:07
Da casa!
Usuário desde: 05/01/2008
Localidade: Rio de Janeiro
Mensagens: 353
 Re: Solto-me das amarras
Vera,
seu poema se fez belo simplesmente por demonstrar a força da liberdade.
Quando não temos a nossa liberdade cerceada,somos desimpedidos para criar e alcançar voôs cada vez mais altos,expressar aquilo que entendemos por certo.

Congratulações!

Enviado por Tópico
Cathia
Publicado: 05/02/2008 02:13  Atualizado: 05/02/2008 02:13
Super Participativo
Usuário desde: 08/06/2007
Localidade: Porto
Mensagens: 102
 Re: Solto-me das amarras
Bem adorei essa força...

Das amarras me irei soltar
Para o mundo abraçar
E bem Alto gritar
Estou viva...e me consegui libertar...

Enviado por Tópico
ângelaLugo
Publicado: 05/02/2008 18:38  Atualizado: 05/02/2008 18:38
Colaborador
Usuário desde: 04/09/2006
Localidade: São Paulo - Brasil
Mensagens: 14964
 Re: Solto-me das amarras p/ Vera Silva
Querida poetisa

Um grito de liberdade
quando das amarras se
solta e fica livre...
Um lindo poema como
sempre...

Beijinhos no coração

Enviado por Tópico
goretidias
Publicado: 05/02/2008 19:06  Atualizado: 05/02/2008 19:06
Colaborador
Usuário desde: 08/04/2007
Localidade: Porto
Mensagens: 1237
 Re: Solto-me das amarras
Um poema apaixonante!
Um beijo

Enviado por Tópico
HorrorisCausa
Publicado: 10/02/2008 17:39  Atualizado: 10/02/2008 17:39
Colaborador
Usuário desde: 15/02/2007
Localidade: Porto
Mensagens: 2699
 Re: Solto-me das amarras
apenas peço-te: "continua a deliciar-me com a tua escrita"

Enviado por Tópico
Olga Silva
Publicado: 05/05/2008 18:57  Atualizado: 05/05/2008 18:57
Muito Participativo
Usuário desde: 23/10/2007
Localidade: Águeda-Aveiro
Mensagens: 73
 Re: Solto-me das amarras
Um ser poético indomável e lutador, se for necessário! Cada qual vive como quer e sente as coisas também como quer! Sente-se a força da liberdade! Parabéns pelo poema.