https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

Colheita.

 
a pupila dilata,
o suor escorre,
arranco a gravata,
o paletó, a camisa...

eu me livro das roupas
inúteis,
eu me dispo
à tua curiosidade...

em toques, olhares,
violenta ternura,
o meu-teu corpo
se comunicam...

flores secretas,
invisíveis,
margeiam o rio perene
que brota em nossa tez...

 
Autor
cavenatti
Autor
 
Texto
Data
Leituras
583
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
11 pontos
1
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 21/02/2018 15:06  Atualizado: 21/02/2018 15:06
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 16055
 Re: Colheita.
Poeta
Gostei imensamente!
Excelente colheita!
Levei!

Janna