https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

A NATUREZA NOS IMPÔS.

 

“O amor não exige grandes gestos,mas só materializa-se precedido de uma ação”
MJ.

A natureza nos impôs este encontro rápido,
Depois sumimos das presenças um do outro,
Mas nossas mentes continuaram interligadas,
Em muitas noites eu sonhei contigo em gozo.

Eu não sabia mas tu também pensava em mim,
Tinhas delírios em pensamentos apimentados,
E no ensejo dos teus desejos mais prementes,
Inúmeras vezes tivestes a calcinha molhada.

Mais uma vez nos encontramos sem nada prévio,
Tu me olhastes dando a entender uma ternura,
Ao me dar conta o meu pênis já estava duro.

Te aproximastes do meu ser com muito afago,
Destes guarida a minha espontânea excitação,
Me confessastes também sentir muito tesão.


Enviado por Miguel Jacó em 26/09/2015
Código do texto: T5395022
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Miguel Jacó

 
Autor
Migueljaco
 
Texto
Data
Leituras
297
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
2
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Upanhaca
Publicado: 26/09/2015 14:41  Atualizado: 26/09/2015 14:42
Colaborador
Usuário desde: 21/01/2015
Localidade: Sol Poente
Mensagens: 6300
 Re: A NATUREZA NOS IMPÔS.
Quando olhares dos amantes se cruzam, pensamentos se multiplicam e erupções acontecem.

Lindo soneto, adorei-parabéns.
Abraço!
upanhaca

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 28/09/2015 15:16  Atualizado: 28/09/2015 15:16
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29152
 Re: A NATUREZA NOS IMPÔS.
Olhos que se revelam nos encanto de um emante desejo, onde o prazr do amaor acontece