https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Reflexão : 

Cantor da vida

 
Esta arte de cantar português
Vem célere na espuma do mar
Vem da alma de um marinheiro andejo
Escrita melodia de espuma em tuas praias
Rima de uma vida de poeta de mim
Que em seus versos ensaia um solfejo
Esta arte de dizer por palavras soltas
Toda a vida num breve instante
É vício de escrita e vício falante
De deixar nos papiros desta vida
As suas voltas e reviravoltas
Esta arte de escrever
Imagens de uma vida feita de pressas
De cumprir em seus versos
Algumas das suas promessas
Fazem do poeta um cantor de cantigas
De ouvidos e vozes amigas
Fazem da sua escrita de verdades
Arauto das boas vontades
Esta arte de ser assim cantor da vida
Numa canção sem medida

 
Autor
Raul Cordeiro
 
Texto
Data
Leituras
2651
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 02/03/2008 21:42  Atualizado: 02/03/2008 21:42
 Re: Cantor da vida
olá poeta, sua alma canta e encanta...seus versos são ricos de imagens e inspirações poéticas. Adorei ler!bjs