https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

NO MEU QUARTO DE MULHER

 
Open in new window










NO MEU QUARTO DE MULHER


no meu quarto de mulher
existe meu perfume preferido
minha escova de cabelo
meu creme de corpo
lingeries perfumadas
com sachês de sonho

no meu quarto de mulher
há na penumbra os meus desejos
em cada detalhe uma história
dos lençóis desarrumados
do travesseiro fora do lugar
uma essência da minha inocência

no meu quarto de mulher
guardo meus momentos
em cada canto da parede
são porta-retratos imaginários
onde fico a observá-los em silencio
sabendo-os de cór com meus olhos fechados

no meu quarto de mulher
há um rastro de ternura espalhado
no meu ursinho de pelúcia
um pedaco de crença
na bíblia que descansa
no meu criado mudo

no meu quarto de mulher
há o farol de nossos olhos
penetrando nos túneis de desejos
em noites de amor e de paixão
digitais gravadas em nossos corpos
em viagens intermináveis
com nossas bocas e as nossas mãos

*Mary Fioratti*



 
Autor
MaryFioratti
 
Texto
Data
Leituras
484
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
36 pontos
12
4
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
kripy
Publicado: 18/07/2016 06:33  Atualizado: 18/07/2016 06:33
Colaborador
Usuário desde: 26/05/2010
Localidade:
Mensagens: 2994
 Re: NO MEU QUARTO DE MULHER
Olá doce e linda amiga MaryFioratti no seu quarto existe um mundo belo que você nos deixou 'espreitar' um pouco e assim ler um belo poema com ternura,sensualidade e amor,lindo demais😉 mil beijos 💋 de carinho,kripy.



Enviado por Tópico
roquelirio
Publicado: 18/07/2016 08:18  Atualizado: 18/07/2016 08:18
Participativo
Usuário desde: 29/08/2015
Localidade:
Mensagens: 39
 Re: NO MEU QUARTO DE MULHER
Muito bom!


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 18/07/2016 11:51  Atualizado: 18/07/2016 11:51
 Re: NO MEU QUARTO DE MULHER
Esse quarto, esse sentimento, essa vida que vai do ursinho de pelúcia às digitais gravadas, passando por tanta, tanta coisa. Uma testemunha única e silenciosa, o "criado mudo" que observa e guarda, não critica e não fala. Observa e se emociona...Adorei ler...beijão minha amiga. fica com Deus.


Enviado por Tópico
Daras
Publicado: 18/07/2016 16:55  Atualizado: 18/07/2016 16:55
Muito Participativo
Usuário desde: 01/07/2016
Localidade:
Mensagens: 85
 Re: NO MEU QUARTO DE MULHER
Quanta doçura, suavidade em canta pequenino detalhe a qual fostes pincelando nas cores das tuas palavras,como quem fosse o tocar de uma fada,um anjo ainda menina,mesmo como tempo passando por entre as paredes.
Imagino sim Mary quantas histórias, sentimentos,emoções, gestos de euforia, solidões... não deve guardar nesse teu "Quarto de mulher" .
É como a extensão do próprio coração, onde vai ficando, enfeitando, lembrando e refazendo vida renascida o que só sabe quem o fez e nele habita: Tu.
Dizem que somos onde vivemos... De certa forma faz sentido também.
Um abraço, Obrigada por abrir um tantinho do teu quarto em poesia.


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 19/07/2016 15:16  Atualizado: 19/07/2016 15:16
 Re: NO MEU QUARTO DE MULHER
*plena mulher!
Tu sabes da admiraçao total q tenho por ti , mulher e poeta!
Amo esse porque tem todas as tuas ternas e maravilhosas nuances do jeito d ser Mary.
Beijoka* de margaridas em ti

Enviado por Tópico
Eureka
Publicado: 31/07/2016 11:31  Atualizado: 31/07/2016 11:31
Colaborador
Usuário desde: 02/10/2011
Localidade: Lisboa
Mensagens: 4213
 Re: NO MEU QUARTO DE MULHER
Ahhh...... Mary,

Absolutamente maravilhoso o " No meu quarto de Mulher", nos traz um poema de qualidade superior, que amei ler e reler, pela inteligente forma como o versaste, em palavras e versos ternos e cuidados, como tu própria, asssim eu te imagino - linda, doce e muito amiga e Mulher apaixonada também.

Não tenho palavras adequadas para te dizer o quanto gostei de te ler aqui, por isso te deixo este comentário trôpego que não consegui expressar-me melhor.

Ler-te, por vezes, acarreta momentos dificeis para mim, por me tocares a alma nos lugares onde ela mais doi, no silêncio e na solidão em que vou guardando o meu amor.

Um milhar de beijos
Eureka

Enviado por Tópico
Volena
Publicado: 31/07/2016 15:56  Atualizado: 31/07/2016 15:56
Colaborador
Usuário desde: 10/10/2012
Localidade:
Mensagens: 12513
 Re: NO MEU QUARTO DE MULHER P/Mary Fiorati
Um poema de encantar, uma doçura a que não faltam os detalhes e os nítidos momentos felizes de uma vida
feliz de uma mulher... Achei uma delícia, um favorito e um enorme beijinho Vólena