https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Juvenis : 

UM LUGAR CHAMADO INFÂNCIA (A BONECA)

 
Tags:  amor    tempo    olhos    menina    boneca    azuis    Parados  
 
Olhos azuis,
de boneca,
fixos!

Parados no tempo
e no espaço.

Olhando... olhando...olhando.

(Talvez procurando
a menina
que com ela
brincava
no seu tempo de infância).

O sorriso da boneca
atravessou o tempo
junto comigo;

suplicando amor e carinho
para a menina que sempre fui.

Fito estes olhos
azuis,
e sinto saudades
do lugar chamado INFÂNCIA!

Onde tudo era permitido.
E os sonhos,
eram verdadeiros.

Observo os olhos azuis
e revejo os bons sentimentos
que povoam a infância
de qualquer menina
que é feliz...

(E, sendo mulher,
não pode
nunca mais olhar para trás).

Os olhos azuis da boneca,
Olham e esperam
e esperam
pela menina.

Parece-me ver uma
pequena lágrima
brilhando nos olhos
do brinquedo.

Olhos,
que fitam o tempo
passando,
inevitavelmente.

Olhos bonitos
daquela boneca
que ficou esquecida
num cantinho
da minha vida.

Saleti Hartmann
Professora/Pedagoga e Poeta
Cândido Godói-RS

 
Autor
SALETI HARTMANN
 
Texto
Data
Leituras
726
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 01/09/2016 11:34  Atualizado: 01/09/2016 11:34
 Re: UM LUGAR CHAMADO INFÂNCIA (A BONECA)
Lindo Saleti!

O tempo vai passando e coisas tão bonitas vão sendo esquecidas, mas aqui você resgatou o doce sabor da infância.

Parabéns!

Um beijo,

Anggela