https://www.poetris.com/
Poemas : 

vela ardida

 
Quem com amor se distancia
grita de dor com afonia
de alma despida.
Quem vê que é por dever que se abduz,
implora "não vás" com o lenço branco da partida
e prostra-se na própria cruz
com a vela ardida


Não sou poeta mas, quem sabe, um dia escreverei
um texto que (pela persistência e sorte) possa ser lido como poema


 
Autor
Manufernandes
 
Texto
Data
Leituras
75
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
20 pontos
0
2
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.