https://www.poetris.com/
Poemas : 

Para

 


Adotei o mundo
Diante aos viventes.
Defini minha vida.
Pululam seres mitológicos
Em minha mente
Mas...
Somente, somente tu
E mais ninguém
Serve-me de referência:
Valeu apenas ter vivido
O que vivi.

Escrevi verso
Descrevi pessoas.
Andei procurando.
Tudo que não via
Viajei no desejo,
Confesso,
Era m’vida
Servida numa taça de prata.

Sem demora
Sem descuido.
cuido
Dos destroços
Dos meus ossos.
Que se enterrem
Os tempos
Os lamentos
Os sofrimentos.
Nada restou
Foi!
Sei que foi!
Não voltará jamais.

Chicão de Bodocongó
Campina Grande, 15 de outubro de 2017
Às 9h12mn












Chicão de Bodocongó foi a melhor maneira de homenagear o bairro que moro a trinta anos na cidade de Campina Grande ( Bodocongó ), Paraíba. O meu nome é Francisco de Assis que é acompanhado pelo sobrenome Cunha Metri e faz pouco dias que venho publican...

 
Autor
ChicãodeBodocongó
 
Texto
Data
Leituras
123
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.