https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Silêncio

 
Não sei nada!
Nada ouso.
Fico mudo!
Do muito... nada!
Nada ouço.
Do muito... tudo
Tudo num fosso.
Nada... o luto!!!
Se nada luto
tudo amputo!


Não sou poeta mas, quem sabe, um dia escreverei
um texto que (pela persistência e sorte) possa ser lido como poema


 
Autor
Manufernandes
 
Texto
Data
Leituras
616
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
3 pontos
1
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
IsabelRFonseca
Publicado: 04/05/2018 14:20  Atualizado: 04/05/2018 14:20
Colaborador
Usuário desde: 25/05/2013
Localidade:
Mensagens: 4348
 Re: Silêncio
Meu querido poeta Manufernandes
tenho saudade dos seus poemas
A vida é uma luta constante para a alguns
um abraço