https://www.poetris.com/
 
Contos -> Natal : 

A bota do Ronaldo

 
A bota do Ronaldo


Naquela pequena aldeia
Descalço mas com destreza
Um menino hoje vagueia
Nos limites da pobreza

Como é bela a sua terra
Naquele lugar soalheiro
Mas talvez por ser na serra
Nunca lá chega o dinheiro

Vai vivendo dia após dia
Entre as pedras dos caminhos
Tendo apenas por companhia
O cantar dos passarinhos

Ainda há pouco ouviu falar
Em presentes de Natal
E pôs-se logo a sonhar
Com uma noite celestial

Como poderia ele fazer
Com o seu descalço pé
Sem sapato p’ra meter
Junto à pobre chaminé

Mas uma fada madrinha
Foi pedir com devoção
A Ronaldo uma ajudinha
Que deu logo a solução

E o menino sem dinheiro
Receberá um bom tesouro
Plo Natal junto ao pinheiro
Vai lá ter uma bota d’ouro


Rama Lyon

 
Autor
RAMA.LYON
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1105
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.